13 dicas para cuidar da saúde do seu PC

••• Getty Premium

A vida moderna exige, para uma infinidade de atividades, o uso de um computador. Ele é útil no trabalho, nos momentos de lazer, para fazer os cálculos do orçamento doméstico ou mesmo ver as pessoas queridas que estão longe. Por isso, é importante manter sua máquina em bom estado e com um desempenho satisfatório. Infelizmente, é inevitável que, com o passar do tempo, ela fique cada vez mais lenta. Mas não se preocupe: há uma série de medidas que podem fazer com que seu CPU continue trabalhando bem, sem apresentar problemas. Siga os passos a seguir e mantenha-o em bom estado.

Overview

A vida moderna exige, para uma infinidade de atividades, o uso de um computador. Ele é útil no trabalho, nos momentos de lazer, para fazer os cálculos do orçamento doméstico ou mesmo ver as pessoas queridas que estão longe. Por isso, é importante manter sua máquina em bom estado e com um desempenho satisfatório. Infelizmente, é inevitável que, com o passar do tempo, ela fique cada vez mais lenta. Mas não se preocupe: há uma série de medidas que podem fazer com que seu CPU continue trabalhando bem, sem apresentar problemas. Siga os passos a seguir e mantenha-o em bom estado.

Fique atento à memória RAM

Comstock/Comstock/Getty Images

A memória RAM (sigla para Random Access Memory ou "Memória de Acesso Aleatório"), é o cerne do desempenho do computador. Ela é que define a velocidade e a capacidade de processamento, não importa qual seja seu sistema operacional. Ela armazena informações de programas e aplicativos e possibilita o acesso de forma mais rápida. No entanto, à medida que você usa muitos programas ou acessórios (como DVDs, zip disks e pendrives), consome mais memória, tornando seu equipamento mais lento. Uma solução é usar programas para otimizar a memória RAM, como o Memory Improve Master Free.

Feche aplicativos e programas inativos

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

É inevitável. Você abre um programa, usa e depois abre outro e os mantém abertos. Com o passar do tempo, essas muitas janelas abertas consomem mais memória RAM. Uma boa dica é fechar as páginas que você não estiver usando no momento. Outra dica importante é desativar aplicativos que são iniciados ao ligar o computador, mas que você não usa. Para isso, entre no menu iniciar, vá em “Executar”. Digite "msconfig" e clique em "OK". Em seguida, vá para a aba “inicializar” e desmarque os itens que você não utiliza. Clique em "OK" e reinicie o computador.

Opções de visualização

Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images

As opções de visualização, disponíveis no computador a todo momento, nem sempre são úteis. A melhor coisa a fazer é desabilitar algumas delas e fazer o computador render mais. Para isso, vá ao Painel de Controle e clique em "Sistema" e, em seguida, nas abas "Avançado" e "Desempenho". Clique no botão "Configurações" e siga para "Efeitos Visuais". Por fim, selecione a opção "Ajustar para obter um melhor desempenho". Dessa forma, irá deixá-lo mais eficiente. Dependendo do seu sistema operacional, vale pesquisar outras opções que podem ser muito úteis.

Mantenha espaço livre no disco rígido

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Alguns dias de uso do computador bastam para que se acumule todo tipo de arquivo no disco rígido. Uns muito aproveitáveis, alguns nem tanto. Se você quer um computador que renda bem e, principalmente, que tenha uma longa vida útil, é preciso ter em mente que ele não é um "aterro sanitário digital". Periodicamente, faça uma triagem e delete tudo do que você realmente não vai precisar, guardando apenas o que é imprescindível. Se, mesmo assim, você relutar em se livrar de tudo, guarde os arquivos em CDs, DVDs ou pen drives. Não se esqueça de também limpar a lixeira.

Limpeza de disco

Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images

Depois de limpar o disco rígido dos milhares de arquivos que havia acumulado recentemente, ainda há coisas que podem ser eliminadas. O computador possui cookies e documentos ocultos, que são usados para acessar determinadas páginas da internet. No entanto, muitas vezes eles servem mais para ocupar espaço. O ideal é realizar uma limpeza a cada dois meses ou, de preferência, mensalmente. Para fazer a faxina, vá em "Meu Computador", na área de trabalho. Clique com o botão direito do mouse sobre o disco rígido principal. Acesse propriedades e clique em "Limpeza de Disco". Pronto, mais um passo dado.

Desfragmentador

Photodisc/Photodisc/Getty Images

Depois de limpar o computador de todos os documentos sem utilidade, é a vez de desframentar o disco rígido. Trata-se, basicamente, de reunir todo o conteúdo do seu computador e deixar os arquivos mais próximos uns dos outros. É como se você arquivasse todos os seus papéis, que estavam espalhados pela casa, em um único cômodo. O resultado é que o computador exigirá menos esforço para localizar o que você procura ou fazer um programa funcionar. Vá para o "Painel de Controle" e, em seguida, clique em "Sistema e Segurança". No subitem "Ferramentas Administrativas", há o comando "Desfragmentar o disco rígido".

Número de fontes

Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

Todo computador exige uma série de acessórios e equipamentos adicionais para realizar múltiplas tarefas. Uma das ferramentas mais utilizadas, especialmente em artes gráficas e design, são as fontes artísticas para substituir as tradicionais, como Times New Roman e Arial. Há quem se torne um verdadeiro aficionado pelo tema e acumule todo tipo de fonte no computador, mas, em excesso, elas podem prejudicar o computador. O recomendável é que você não instale mais de 500 fontes. A dica, portanto, é simples: salve o maior número de fontes em um CD, DVD ou pendrive e instale no computador apenas quando for usá-las.

Atualizar drivers

Thinkstock Images/Comstock/Getty Images

Os drivers são programas, dentro do sistema operacional, que permitem a conexão com diferentes softwares, aplicativos e periféricos. Um exemplo é quando o usuário precisa ver no computador as fotos de uma câmera. São drivers que permitem o envio das imagens de um ponto a outro, bem como a leitura delas. Deixá-los atualizados é uma das melhores formas de manter sua máquina funcionando bem. Para isso, verifique quais produtos foram adquiridos junto com o computador e acesse, pela internet, qual a empresa responsável. Na maioria dos casos, é possível realizar a atualização online, de forma muito prática.

Desabilite a restauração do sistema

Polka Dot/Polka Dot/Getty Images

A restauração do sistema tem como principal objetivo deixar seu computador exatamente como estava antes de alguma alteração no computador, inclusive danos causados por vírus. Ele modifica os programas e aplicativos sem apagar ou mover seus arquivos pessoais, mantendo intactos suas fotos e documentos, pode exemplo. No entanto, essa atividade consome muita memória do seu CPU, por isso desabilitar essa função pode ajudar no rendimento. Então, abra o Painel de Controle e vá em "Sistema". Em seguida, clique na aba "Restauração do sistema" e desmarque a opção "Desativar restauração do sistema". Clique em "OK" e pronto, você a desativou.

Atualize seu sistema operacional

Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images

As empresas que produzem os sistemas operacionais dos computadores têm como hábito lançar novas versões do mesmo produto. Vide o Windows, fabricado pela Microsoft, que não fica mais de três anos sem ganhar uma atualização. No começo, acompanhar os lançamentos parece desnecessário, mas a verdade é que com o tempo fica cada vez mais difícil utilizar o computador com hardwares e softwares antigos. A saída é mesmo atualizar sua máquina, mas não se afobe. Quando a companhia anunciar um novo lançamento, informe-se se ele foi aperfeiçoado ou se ainda enfrenta problemas. Caso seja necessário, aguarde ainda alguns meses até fazer a compra.

Não particione o HD

Photodisc/Photodisc/Getty Images

De alguns anos para cá, se tornou cada vez mais comum o particionamento de disco rígido. Tanto é que muitos computadores já chegam devidamente particionados da loja. Isso significa, basicamente, dividir seu HD em várias partes, tendo como objetivo guardar dados de forma separada do sistema operacional e, assim, melhorar a segurança. O grande problema é que o Windows, por exemplo, tem seu desempenho prejudicado quando ocorre a divisão do HD. Se puder, mantenha todos os seus arquivos em um só local, sem divisões. Assim, você manterá as condições para que sua máquina possa manter um alto desempenho por mais tempo.

Limpe o computador

Pixland/Pixland/Getty Images

Você já limpou todo o computador. Tirou os arquivos inúteis, removeu cookies e desfragmentou. Será que precisa limpar de novo? Claro que sim. Por que não limpá-lo fisicamente? Além de ser uma boa demonstração de higiene, a limpeza externa é importante para remover partículas que podem danificar sua máquina. Ao menos uma vez por ano, abra o computador e tente remover toda a sujeira que haja em seu interior. Aproveite e veja se a ventoinha está funcionando bem: a ventilação no interior é fundamental para que o CPU funcione satisfatoriamente. Certifique-se, antes de abri-lo, de que ele não está mais na garantia.

Escolha bem o antivírus

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

O antivírus é um dos aplicativos mais importantes para qualquer computador. Trabalhando online ou offline, é preciso estar sempre protegido contra todo e qualquer tipo de ataque. Mesmo assim, não é recomendável comprar qualquer software de proteção. Nem todos são eficientes o bastante e alguns deixam o computador muito mais lento, especialmente durante as varreduras. Portanto, quando for escolher o antivírus, fique atento em qual utiliza menos memória RAM. Informe-se sobre esses dados com especialistas ou com as próprias empresas fabricantes. É importante ver também qual marca é a mais adequada para o uso que você faz do seu CPU.

Mais recentes

×