Como calcular o financiamento externo

••• Photos.com/PhotoObjects.net/Getty Images

Calcular o montante de financiamento necessário, é um dos maiores desafios que os gestores das empresas enfrentam. Os mercados de capital são extremamente complexos, e pode ser difícil determinar a quantidade do financiamento externo para angariar. A quantidade de financiamento externo que a empresa necessita, dependerá do orçamento de funcionamento para o negócio, bem como recursos de capital circulante da empresa. Determinar a quantidade de financiamento externo para juntar fundos, será muito mais fácil se for desenvolvido um orçamento operacional sólido para a empresa.

Passo 1

Projete a quantidade de vendas que você espera que a empresa gere no próximo ano. A melhor maneira de projetar as vendas é utilizar o crescimento anual das vendas durante o período dos cinco anos mais recentes. Por exemplo, se a empresa tem crescido de vendas a uma taxa anual de 5% nos últimos cinco anos, e as vendas do ano corrente é de R$100, você pode projetar vendas de R$100 x (1 + 5%) = R$105 para o próximo ano.

Passo 2

Calcule o custo dos produtos vendidos e despesas operacionais, utilizando o percentual médio do método de vendas da empresa. Se o custo dos produtos vendidos como um percentual das vendas foi em média 20% nos últimos cinco anos, pode-se custear o orçamento dos produtos vendidos igual a R$105 x 20% = R$21 para o próximo ano. Se as despesas operacionais como um percentual das vendas foi média 15% nos últimos cinco anos, pode-se custear despesas operacionais em um orçamento igual a R$105 x 15% = R$16 para o próximo ano.

Passo 3

Subtraia o custo dos produtos vendidos e despesas operacionais de vendas, para determinar o lucro antes dos impostos. Neste exemplo, o lucro antes de impostos seria igual a R$105 - R$21 - R$16 = R$68.

Passo 4

Calcule impostos da empresa para o próximo ano e subtraia os impostos de renda antes dos impostos, para calcular o lucro líquido. Se a taxa de imposto da empresa foi, em média, 30% nos últimos cinco anos, o lucro líquido seria igual a R$68 - (35% x R$68) = R$44.

Passo 5

Projete os ativos correntes para o próximo ano, utilizando o mesmo método de percentual de vendas. Os ativos correntes incluem dinheiro, inventário e contas a receber. Se o ativo corrente for uma porcentagem das vendas de, aproximadamente, 25%, você pode custear o orçamento de ativos correntes do próximo ano em 25% x R$105 = R$26.

Passo 6

Projete passivos correntes para o próximo ano utilizando o percentual histórico do custo dos produtos vendidos. Se o passivo corrente como uma porcentagem do custo dos produtos vendidos for, em média, 40% nos últimos cinco anos, você pode custear o orçamento de passivo corrente do próximo ano em 40% x R$21 = R$8.

Passo 7

Subtraia o passivo corrente do ativo corrente para determinar as necessidades de capital de giro da empresa. O capital de giro é a necessidade de financiamento de curto prazo que é preciso para executar as operações do dia-a-dia de um negócio. Neste exemplo, as necessidades de capital de giro da empresa serão iguais a R$26 - R$8 = R$18.

Passo 8

Estime investimentos projetados da empresa utilizando o método de percentual de vendas. Se as despesas de capital como uma porcentagem das vendas foram, em média,de 30%, você pode custear o orçamento de despesas de capital do próximo ano em R$105 x 30% = R$32.

Passo 9

Subtraia o capital de giro e as despesas de capital do lucro líquido projetadas da empresa, para determinar o montante de financiamento externo necessário. Neste exemplo, a empresa precisará levantar R$ 44 - R$18 - R$32 = (- R$6), o que significa que R$6 em financiamento externo é necessário. Se os resultados deste cálculo for um número positivo, nenhum financiamento externo será necessário. A empresa pode financiar suas operações através de recursos internos, embora possa querer aumentar o financiamento externo se as condições forem atraentes.

Mais recentes

×