×
Loading ...

Exercícios isométricos e isotônicos para coluna cervical

Com os músculos do pescoço tensos, olhar por cima do ombro pode ser doloroso, e atividades como dirigir podem ser um desafio. A coluna cervical é uma área que está extremamente propensa a lesões e a fraqueza. Para fortalecer ou reabilitar a coluna cervical, você precisa fazer exercícios isométricos e isotônicos. Os isométricos não necessitam de movimento articular de qualquer tipo e os isotônicos são os que têm movimento. Combinar os dois tipos promove uma força mais funcional. Para todos os exercícios de pescoço, é melhor movimentar-se lenta e consistentemente.

Exercícios para a coluna cervical podem prevenir o aparecimento de um torcicolo (shoulder and neck masage image by Sean Wallace-Jones from Fotolia.com)

Flexão e extensão isotônicas

Quando você olha para os seus dedos do pé, sua coluna cervical se flexiona e quando você olha como se fosse ver uma nuvem no céu, sua coluna cervical se estende. Ambos são movimentos funcionais importantes. Para realizar exercícios isotônicos, é preciso simular esses movimentos repetidamente. Traga a cabeça para a frente, largando o queixo no peito e, em seguida, traga-a de volta para olhar para cima. Repita de cinco a 10 vezes.

Loading...

Flexão e extensão isométricas

Para fortalecer a coluna cervical com exercícios isométricos, você deve resistir a uma força aplicada à cabeça (geralmente com suas mãos). Para a flexão, as mãos são colocadas na testa e pressionam-na suavemente por três a cinco segundos para impedir que a cabeça caia. Para a extensão, você coloca as mãos na parte de trás do crânio e pressiona levemente. Depois, impeça a cabeça de inclinar para trás por três a cinco segundos, sugere o Neurosurgery Spine Center. Faça esses exercícios de cinco a 10 vezes.

Flexão lateral e rotação isotônicas

Quando você encosta sua orelha em direção ao ombro, você está flexionando lateralmente a coluna cervical. Mantenha os ombros relaxados e deixe a orelha encostar naturalmente de um lado e depois do outro. Para realizar exercícios isotônicos, repita este movimento para ambos os lados de cinco a 10 vezes. Para rotação cervical, vire a cabeça para a direita e alinhe o queixo sobre o ombro. Em seguida, vire para o outro lado. Repita de cinco a 10 vezes.

Flexão lateral e rotação isométricas

Para realizar exercícios isometricamente, coloque os dedos ou a palma da sua mão sobre a têmpora de um lado da cabeça. Impeça a cabeça de cair em direção ao ombro por três a cinco segundos. Repita várias vezes. Tente o mesmo do outro lado. Para rotação, os dedos ficam sobre as têmporas e você impede a cabeça de virar para a direita ou para a esquerda. Repita diversas vezes.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...