Como fazer respingos de tinta em suas pinturas

••• Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Muitas técnicas oferecem métodos fáceis para pintar com respingos. Você pode dar vida e personalidade a praticamente qualquer desenho respingando tinta sobre ele. Esse tipo de pintura foi popularizado pelo americano Jackson Pollock no movimento conhecido como "expressionismo abstrato". Pollock colocava-se sobre enormes telas para salpicá-las e respingá-las a tinta com amplos movimentos. Você pode usar esse estilo na mesma grande escala usada pelo artista, ou usar pequenos pinceis para reproduzi-lo em desenhos menores.

Passo 1

Afine sua tinta diluindo-a em um solvente de forma a alcançar uma textura líquida, corredia. Se estiver usar tintas acrílicas ou aquarela, dilua-as em água. Se estiver pintando com tintas a óleos, use aguarrás ou outro afinador. Misture bem a tinta e o solvente.

Passo 2

Encha seu pincel com tinta. Segure-o na ponta do cabo para uma pegada mais livre e flexível. Afaste-se o suficiente de sua tela de forma que você possa mover seus braços em amplos movimentos.

Passo 3

Lance tinta em sua tela usando movimentos de seu punho e ombro. Use seu pulso e seu braço, e não seus dedos, para executar os amplos e livres movimentos com o pincel.

Passo 4

Permita que a tinta voe do pincel à sua tela. Esse processo vai, naturalmente, formar longos arcos de tinta com respingos em volta e poças coloridas.

Passo 5

Para formar arcos mais finos, segure firmemente o pincel pelo cabo a distâncias menores de sua tela. Bata no cabo do pincel com outro pincel para liberar uma pequena quantidade de tinta ou passe seus dedos pelas cerdas do pincel para criar leves borrifos de cor.

Mais recentes

×