Como tratar micose no focinho de um cão

••• dogs image by matko from Fotolia.com

Micose é uma infecção fúngica contagiosa que afeta cães, gatos e outros animais, incluindo humanos. Aparece como lesões circulares, vermelhas e escamosas, e é contraída pelo contato direto com um animal infectado ou em contato com um item contaminado com os esporos da micose. Tratar micose no focinho do seu cão é bem simples e altamente eficaz.

Passo 1

Deixe a lesão sozinha. Quase todos os casos de micose se resolverão sozinhos por volta de 4 meses, de acordo com o site veterinário "PetEducation.com". No entanto, alguns casos são persistentes e requerem tratamento.

Passo 2

Raspe a área em torno da lesão. Tenha cuidado especial em não irritar mais a lesão quando estiver cortando e tome cuidado também quando estiver cortando perto de áreas sensíveis como nariz, lábios, pois eles podem ser cortados facilmente. Esterilize os cortadores e lâminas com aquecimento ou produtos químicos antes de usá-los de novo, pois eles podem espalhar a infecção.

Passo 3

Aplique um tratamento tópico na micose. Cremes e pomadas que resolvem esse problema incluem creme lotrimin, pomada de clorexidina e miconazol. No entanto, tratamentos topicais podem ser difíceis no focinho, visto que seu cão tentará lamber. Se o cachorro fizer isso, tente distrai-lo por alguns minutos após a aplicação brincando com ele, levando-o para passear ou dando agrados. A medicação não fará mal se ingerida, mas não será eficaz no tratamento da infecção.

Passo 4

Se seu cachorro quiser lamber o tratamento, considere usar pílulas ou tablete. Griseofulvina, cetoconazol e itraconazol são efetivos em infecções de micose. Obtenha esses medicamentos, juntamente com a dosagem, com seu veterinário.

Mais recentes

×