×
Loading ...

Como tratar e prevenir o botulismo canino

Muitos proprietários de cães não estão cientes do botulismo canino até que o seu animal seja afetado. O botulismo ocorre quando um cão é exposto a uma toxina produzida pelo Clostridium. É importante saber que a maioria dos cães são resistentes ao botulismo, então o problema é muito raro. Como a doença é tão tóxica, é importante compreender como tratá-la e preveni-la.

Instruções

  1. Mantenha um olhar atento sobre o seu cão para garantir que ele fique longe de animais mortos. A maneira mais comum para um cão de contrair o botulismo é através do contato com um animal morto.

    Loading...
  2. Contate o seu veterinário imediatamente para aumentar a chance de uma recuperação bem sucedida.

  3. Autorize o tratamento necessário. Normalmente o seu veterinário administrará fluidos intravenosos imediatamente. Isso ajudará nos esforços de recuperação do seu cão.

  4. Use um respirador. Se o seu cão estiver apresentando dificuldade para respirar, o veterinário pode optar pela utilização de um respirador para auxiliar a respiração.

  5. Pergunte ao seu veterinário sobre o uso de uma antitoxina. Se você identificar o botulismo nas fases iniciais, o veterinário pode ter sucesso usando uma antitoxina.

  6. Use antibióticos. Embora os efeitos dos antibióticos sejam questionáveis​​, os veterinários podem prescrevê-los, quando necessário.

Loading...

Dicas

  • Seu cão parecerá muito fraco, se ele estiver sofrendo de botulismo. Como esse sintoma é comum a outras doenças, pergunte ao seu veterinário sobre o botulismo imediatamente. Se tratado precocemente, o sucesso é muito maior.

Aviso

  • Ligue para o seu veterinário se o seu cão tem estado em contato com um animal morto. Em relação ao botulismo, ser cauteloso pode salvar a vida do seu cão.

O que você precisa

  • Número de telefone do seu veterinário
  • Antibióticos
  • Antitoxinas

Recursos

Loading ...
Loading ...