Lazer e cultura

Como fazer um arco de violoncelo

Escrito por diana zwinak | Traduzido por rafael farinaccio
Como fazer um arco de violoncelo

Um bom arco torna melhor a música do violoncelo

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Violoncelistas sabem que um bom arco faz seus instrumentos soarem melhor. O peso do arco, seu equilíbrio, força e flexibilidade devem combinar-se harmoniosamente para criar o arco perfeito para as necessidades de um violoncelista. Muitos músicos acham que construir seus próprios instrumentos e acessórios é um meio barato e personalizado de criar os instrumentos dos quais precisam. No entanto, violoncelistas devem pensar duas vezes antes de fazer seus próprios arcos, a menos que sejam marceneiros habilidosos. Os materiais e o tempo gasto podem custar mais que um arco de boa qualidade em uma loja de instrumentos musicais. Por isso, fazer arcos é uma arte, e seus praticantes mantêm cuidadosamente seus métodos em segredo.

Nível de dificuldade:
Desafiante

O que você precisa?

  • Ébano
  • Prata de lei
  • Serra de joalheiro
  • Ferramentas diversas de marcenaria
  • Lima agulha
  • Madrepérola
  • Madeira de pau-brasil
  • Haste de aço parcialmente rosqueada (com o diâmetro pequeno)
  • Mecha de crina de cavalo
  • Argent sur soie (fio de prata)
  • Tira fina de couro macio

Lista completaMinimizar

Instruções

    Fazendo o talão

  1. 1

    Escolha uma peça de ébano com cerca do tamanho necessário para o talão de seu arco. O talão é uma peça retangular de madeira localizada na vara, perto do parafuso da extremidade. O talão é feito para prender a crina do arco a uma certa distância da madeira. Você trabalhará seu bloco de ébano até que fique com o tamanho apropriado, usando uma goiva e uma plaina. Afie suas ferramentas com frequência, pois o ébano é duro e cegará suas lâminas.

  2. 2

    Faça um furo para a virola e o apoio do dedão. A virola prende a crina ao arco e fica de um lado do pescoço do talão. Você fará o pescoço em breve. O apoio do dedão fica do lado oposto da virola no pescoço.

  3. 3

    Usando um serrote, serre um espaço para o pescoço no furo que você acabou de fazer na direção da extremidade mais próxima da parte de madeira que está sendo usada como talão.

  4. 4

    Dê forma ao esporão do talão arredondando o canto. Essa é a extremidade do talão que fica do mesmo lado que a virola, mas no canto oposto. Lembre-se que, quanto mais arredondado for o esporão, menor será o deslizador de pérola. Coloque de lado por enquanto a peça do talão.

    Preparando a virola

  1. 1

    Corte duas peças de prata usando a serra de joalheiro. Elas devem ter o tamanho suficiente para serem dobradas em torno da lateral do pescoço.

  2. 2

    Dobre uma peça como um arco que se encaixe na lateral curvada do pescoço que você fez em seu bloco de ébano. A outra peça deve ser plana.

  3. 3

    Aqueça ambas as peças de prata até ficarem incandescentes e solde-as formando um anel em forma de D.

  4. 4

    Martele o anel de forma que encaixe no lado onde está a virola no pescoço que você esculpiu no talão na parte um. Lime o anel até que ele se encaixe perfeitamente.

  5. 5

    Defina a forma do pescoço usando as ferramentas de marcenaria, criando as curvas ou laterais do pescoço como você desejar. Use uma lima agulha para suavizar os cantos. Você o lustrará mais tarde.

    Fazendo os olhos e o deslizador de pérola

  1. 1

    Acrescente os olhos ao talão esculpindo um furo arredondado e raso em cada um dos lados dele. Corte pequenos quadrados de madrepérola, então lime suas laterais para que caibam no espaço feito para eles. Cole um de cada lado do talão.

  2. 2

    Prepare o recouvrement, ou deslizador de pérola, que se encaixará sobre o local no talão onde a crina será presa. Corte um pedaço fino de ébano que se encaixará na lateral do talão onde a virola será instalada. Cole um pedaço de madrepérola a essa tira de ébano e modele-o de forma que fiquem do mesmo tamanho.

  3. 3

    Abra espaço para o deslizador de pérola usando um cinzel, criando uma ranhura, ou corrediça, que atravessa o comprimento do talão do lado onde a virola será presa. Afine as laterais da ranhura para acomodar o deslizador de pérola.

  4. 4

    Crie um esporão ou uma garra que ficará na extremidade oposta da virola no deslizador de pérola. Corte um pedaço de prata do tamanho apropriado, então dobre-o para encaixar-se na curva do esporão do talão. Ele deve se juntar exatamente a ponta do deslizador de prata. Cole-o e prenda-o ao talão com pequenos rebites. No final, esse esporão impedirá cuidadosamente o deslizador de pérola de ser empurrado para trás do talão.

  5. 5

    Corte outro canal, levemente mais fino, que resultará em uma junta de encaixe que você deverá fazer debaixo do deslizador de pérola, perto do esporão. Posteriormente, esse será o local onde a crina do arco será presa.

  6. 6

    Lime uma ensambladura em cauda de andorinha em cada lado do deslizador de pérola para que ele se encaixe com precisão na ranhura do talão e contra o esporão de prata.

  7. 7

    Lime a outra extremidade do deslizados de prata até a virola encaixar-se com precisão na madrepérola do deslizador. Deixa um pouco do ébano exposto para que a virola o fixe e impeça que o deslizador seja levantado.

  8. 8

    Esculpa o canal de deslizamento no talão com um cinzel fino no lado oposto ao deslizador de prata no talão. Dependendo de quanto peso você queira que tenha o arco, você pode colar uma peça fina de prata na área para reforço estrutural. Porém, esse é um passo opcional.

    Criando a vara

  1. 1

    Plaine o pedaço de pau-brasil que você escolheu para a vara deixando-o com cerca do tamanho que você escolheu para o arco. Essas dimensões incluem a porção da ponta do arco. Esculpa uma junta de encaixe na ponta para prender a crina do arco. Faça uma placa de ponta com um pedaço de osso plano e fatiado finamente com um furo do mesmo tamanho do encaixe.

  2. 2

    Encaixe o talão na vara com o pescoço virado na direção da ponta. Certifique-se de que ele esteja alinhado exatamente ao mesmo plano que a parte da ponta da vara. Prenda-o à vara.

  3. 3

    Curve ou entorte a vara com o talão preso. Aqueça o pau-brasil de sua vara alguns centímetros de cada vez para curvá-la com o formato desejado. A curvatura do arco é o segredo para o som que ele pode tirar do violoncelo. A escolha da melhor curvatura depende do julgamento de quem faz o arco e é um conhecimento adquirido com experiência e treino. Você pode basear-se em outro arco cujo som e a performance sejam agradáveis.

  4. 4

    Esculpa a ponta da vara com suas proporções finais. As pontas normalmente se dobram para a frente para maior estilo e força.

  5. 5

    Acerte as proporções finais da vara. Envernize-a assim que estiver satisfeito com o trabalho.

    Criando o botão

  1. 1

    Corte um pequeno pedaço de ébano e duas tiras de prata para o "botão" que vai na ponta do arco. Dobre as peças de prata para formar anéis cujas extremidades sejam alinhadas. Aqueça-as até estarem incandescentes, então solde as pontas. Modele-as através de um passador cônico até ficarem redondas.

  2. 2

    Modele o ébano em um torno. Você pode precisar de um torno especial para esse tamanho de peça. Faça isso até ele se encaixar perfeitamente dentro dos anéis. Diminua as pontas do ébano para que os anéis possam ser martelados nele.

  3. 3

    Uma vez que os anéis estiverem no lugar, coloque de volta o botão no torno e reduza-o novamente em uma das pontas onde ele se encaixará na vara.

  4. 4

    Faça um furo para o parafuso que o botão prende. Isso será feito com a haste de aço parcialmente rosqueada do mesmo tamanho que o encaixe no talão. Insira a parte sem rosca no botão. A parte com rosca ficará dentro da vara e do talão.

  5. 5

    Lime o botão com uma lima de gramatura fina até ficar brilhante.

    Colocando a crina no arco

  1. 1

    Amarre a crina de cavalo que será usada no arco com uma abraçadeira em uma extremidade, então insira-a no encaixe do talão. Prenda-a com o calço do encaixe feito para o talão. Recoloque o deslizador de pérola e a virola.

  2. 2

    Umedeça a crina e penteie-a na direção da ponta do arco. Prenda outra abraçadeira à outra extremidade da crina logo após o encaixe da ponta.

  3. 3

    Prenda a crina na ponta inserindo-a no encaixe da ponta e fixando-a com o calço feito para aquele encaixe.

  4. 4

    Espere a crina secar e limpe-a com álcool. Agora ela está pronta para receber a resina.

  5. 5

    Enrole o argent du soie ou fio de prata em torno do arco perto do talão enquanto estiver sob pressão. Faça um polimento.

  6. 6

    Enrole uma tira fina de couro sobre a ponta do argent du soie mais próxima do talão e cole-a para concluir o arco.

Dicas & Advertências

  • Fazer um arco de violoncelo é extremamente difícil e custoso. É melhor não tentar caso não seja um luthier treinado.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media