O que é barbatana na área da costura?

Escrito por joan whetzel | Traduzido por beatriz oliveira
O que é barbatana na área da costura?
Espartilhos com barbatanas apertam a barriga de uma mulher para acentuar as curvas (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Espartilhos surgiram no século XVI como uma forma de cinto, uma peça do vestiário que servia para acentuar as curvas femininas apertando-as na cintura. Eles evoluíram ao longo dos anos para se tornarem o que é hoje. São geralmente usados como bustiês e como parte de um vestido sem alça. A chave para a figura lisonjeada está na barbatana.

Definição de espartilhos e barbatanas

A arte chamada corsetry descreve a habilidade de fazer espartilhos. Eles podem ser melhor descritos como peças apertadas, de roupas íntimas para mulheres que são presas nas costas, apertando a barriga a partir do busto até a cintura ou algumas vezes, até abaixo dela. Eles normalmente são costurados em tecido ou couro flexível, frequentemente possuem ligas para juntar com meias-calças e são reforçadas com barbatanas. Estas últimas incluem ainda quaisquer materiais flexíveis (por exemplo, plástico, juta, metal ou ossos) usados para reforçar a postura, ou endurecer, essas peças de roupas. Elas são colocadas em canais ocultos na costura do espartilho.

Colocando uma barbatana

Barbatanas leves e flexíveis com pontas que não incomodam através do tecido funcionam bem para espartilhos. Com a posição apropriada e o tamanho correto da barbatana, ela permanece invisível no lado direito do espartilho. Podem, no entanto, ficar à amostra quando usar tecidos finos, de renda ou ainda quando ela é colocada onde não tem costura. Nesses casos, um canal deve ser feito usando uma flanela para escondê-la. Outra técnica para ocultá-la é costurar um realce opaco dentro da peça e também a barbatana nos canais dentro dela. As peças prontas devem pressionar com a barbatana virada para baixo, em uma superfície suave, para prevenir que elas deixem uma dobra do lado de fora da roupa.

Ciclos dos materiais das barbatanas

O ciclo dos materiais das barbatanas incluem buckram (um tipo de tecido rígido) ou cartolina, juncos e ossos de baleia ou chifres. Buckram é um algodão grosso endurecido com cola, que equivale ao moderno papelão. Esse material da barbatana pode ser cortados com tesouras. Juncos, datados no ano de 1500, podem ser achados em lojas que vendem material de cestas. Ossos de baleia ou chifres usados antigamente não estão mais disponíveis e não possuem proporção moderna.

Materiais modernos de barbatanas

Materiais modernos de barbatanas usados em espartilhos nos dias de hoje incluem lacres, cânhamo ou barbante de junco, e metal. Lacres de plástico estão disponíveis na maioria das lojas e vêm em pacotes de 10 tiras de aproximadamente 60 a 65 centímetros de comprimento. Corte-os ao tamanho adequado com uma tesoura e remova as extremidades pontiagudas derretendo-as com uma vela. (Cuidado: esse processo possui um mal odor e é melhor ser feito em lugares abertos). Os barbantes de junco como barbatanas, uma invenção recente, podem ser achados em rolos em qualquer loja de artesanato. Corte o barbante com uma tesoura e passe-o dentro dos canais de barbatanas com a ajuda de uma agulha. O metal apresenta uma variedade de comprimentos e larguras e é fabricado através do "aço de mola", que é rígido e ainda assim, flexível o suficiente para evitar a retirada. Esses são normalmente encontrados somente online. Corte-os em tamanhos usando cortadores de lata , e depois tire as pontas.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível