Como calcular pagamentos de pensão alimentícia

Escrito por heather orr | Traduzido por andressa ferrari arevalo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como calcular pagamentos de pensão alimentícia
Calculando pensão (Pixland/Pixland/Getty Images)

Pagamentos de pensão alimentícia são pagamentos de apoio financeiro feitas por um ex-cônjuge para o outro depois de um divórcio. A maioria dos estados não têm leis que regem os pagamentos de pensão alimentícia. Ele geralmente é deixado ao critério de um juiz para ditar se a pensão alimentícia será paga e, em caso afirmativo, o valor de um pagamento mensal razoável. O juiz também vai determinar a duração e as condições dos pagamentos. Por exemplo, um juiz pode conceder pensão alimentícia ao cônjuge até que ele consiga um diploma universitário para se tornar auto-sustentável, ou, eventualmente, até uma criança entrar na escola, permitindo que o cônjuge possa voltar ao trabalho. Ao contrário do que muitas crenças, pensão alimentícia não é concedido apenas para as mulheres. Os homens também podem receber pagamentos de pensão alimentícia. O melhor cenário é quando um casal pode concordar com os termos do divórcio e pensão alimentícia, sem a decisão de um juiz.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Etapas

  1. 1

    Calcule o número de anos que o casamento durou. A duração do casamento é uma consideração importante para um juiz na concessão de pagamentos de pensão alimentícia. Alguns estados têm requisitos mínimos para sequer considerar pensão alimentícia. No Texas, Estados Unidos, por exemplo, o número mínimo de anos que deve ser casado para se qualificar para pensão alimentícia é de 10.

  2. 2

    Decida quem era o principal sustento no casamento. Se um dos cônjuges ganhou um salário significativamente maior do que o outro, um juiz pode conceder pensão alimentícia ao cônjuge mais fraco de salário para ajudá-lo. Isto é normalmente referido como pensão alimentícia de reabilitação.

  3. 3

    Considere se as crianças estão envolvidas. Muitas vezes, um juiz vai conceder pensão temporária a um cônjuge que tem sido o único responsável por ficar em casa para criar os filhos jovens até que as crianças comecem a escola, permitindo que o cônjuge volte a entrar no mercado de trabalho.

  4. 4

    Reporte porquê o casamento acabou. Vários estados não concedem pagamentos de pensão alimentícia ao cônjuge considerado culpado de infidelidade ou de outros crimes ofensivos.

  5. 5

    Determine a capacidade financeira do cônjuge para pagar. Um juiz irá considerar renda, dívidas, dependentes e futuros ganhos para ajudar a determinar a quantidade de pagamentos de pensão alimentícia, se for o caso.

Dicas & Advertências

  • Tenha toda a documentação com você para fazer uma cópia de seu pedido de pensão alimentícia.
  • Se um juiz está decidindo sobre a quantia da pensão alimentícia, esteja preparado para não obter o valor total que você esperava.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível