Mais
×

Como calcular volatilidade de preço de ações

Atualizado em 23 março, 2017

Em sua forma mais simples, a volatilidade se refere a uma variação no preço das ações. Medir a volatilidade do preço de ações é útil para um comerciante que procura apostas a curto prazo ou para um administrador de carteira que está tentando se proteger das flutuações dos preços. Ao comprar uma opção de venda de ações ou uma de compra e venda a um valor determinado, conheça a volatilidade. Mais volatilidade aumenta a probabilidade de a aposta ser mais rentável. A volatilidade do preço das ações pode ser calculada usando uma calculadora ou uma planilha.

Instruções

Calcule a volatilidade do preço de ações (Spencer Platt/Getty Images News/Getty Images)

    Como calcular a volatilidade do preço das ações

  1. Reúna informações sobre o preço das ações. Você precisará dos dados dos valores diários das ações de pelo menos um mês (ou de vinte dias); entretanto, obterá melhores resultados usando os dados dos últimos seis meses. Caso não saiba como fazer isso, acesse o Yahoo! Finance, selecione o símbolo da sua ação em "Obter cotações" e clique em "Preços históricos". Copie e cole essas informações diretamente em uma planilha. A coluna A se referirá aos preços históricos das ações e a coluna B, aos valores diários.

  2. Calcule o desvio padrão. Obtenha o preço médio ao longo do período escolhido. Com seis meses de informação, obtenha a média sobre os 183 dias. Isso pode ser feito usando a função de média ou com a soma dos valores diários (coluna B) divididos por "183".

  3. Calcule a diferença entre o preço diário (coluna B) e a média durante o intervalo de dados. Se estiver usando uma planilha, crie uma coluna C, que se refere a esta diferença, subtraindo a coluna A pela média. Arraste essa função por todo o comprimento da planilha.

  4. Eleve a diferença ao quadrado. Eleve a coluna C ao quadrado e chame esta de coluna D. Agora, encontre a soma da coluna D e divida-a pelo número de dias (183 dias para seis meses) . Essa é a variância. Tire a raiz quadrada da variância. Esse é o desvio padrão. No mundo dos investidores, esse número representa uma medida de volatilidade do preço das ações.

  5. Verifique os dados com uma calculadora de volatilidade histórica. Use os mesmos dados referidos nos cálculos anteriores. Consulte a seção "Recursos", para obter um link para uma calculadora de volatilidade histórica.

Aviso

  • Não confunda volatilidade do preço das ações com volatilidade implícita. Essa última calcula a volatilidade futura de uma ação e inclui o uso da opção do modelo de preços Black Scholes, que é complexa. Para obter uma boa explicação desse modelo, veja a "Opção de modelo de preço Black Scholes", na seção "Recursos".

O que você precisa

  • Calculadora
  • Planilha
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article