Mais
×

Do que as casas mexicanas são feitas?

Atualizado em 17 abril, 2017

As casas tradicionais mexicanas eram feitas de adobe com telhas vermelhas de argila para o telhado. Os materiais para fazer adobe e as telhas eram facilmente disponíveis e adequados para o clima quente e seco da região.

Casas de adobe como essas são típicas da arquitetura mexicana (Image by Flickr.com, courtesy of Francisco Antunes)

Explicação

O adobe é um produto de barro feito tipicamente com uma base de argila, palha e água. Os construtores misturavam o adobe e o transformavam em tijolos para propósitos de construção.

O adobe é feito de uma mistura de argila, palha e água (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Usos

As paredes eram construídas de tijolos, com adobe molhado usado como argamassa. A maioria das casas também têm uma cobertura fina de adobe na parte externa para criar uma superfície lisa, que é depois branqueada ou pintada.

Igreja branqueada com adobe (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Locais

As casas de adobe são comuns no México e no sudoeste dos Estados Unidos, onde a técnica foi introduzida pelos espanhóis que primeiro estabeleceram povoamentos na área. A região do mediterrâneo faz arquitetura semelhante.

Casas com adobe também são comuns no sudoeste dos Estados Unidos (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Considerações

O adobe é ideal para locais onde o clima é quente e seco. Devido ao fato de desintegrar-se rapidamente quando exposto à umidade regular, o adobe não é apropriado para áreas que ficam úmidas ou que são chuvosas durante o ano.

O adobe é adequado pra climas quentes e secos (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

Considerações estruturais

As verdadeiras casas de adobe são vulneráveis à umidade e outros desastres, como tornados e furacões. O padrão baseado em argila do adobe não é forte o suficiente para suportar tais elementos adversos.

O adobe não é resistente a tornados ou furacões (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article