Civic Supercharger Vs. Turbocharger

Escrito por richard rowe | Traduzido por marla maisonnett
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Civic Supercharger Vs. Turbocharger
Os turbos são bons para corridas mas nem tanto para autocross (turbo image by Elijahu from Fotolia.com)

O mundo da aspiração artificial tem sido dividida entre aqueles que preferem turbos e os que gostam mais de respiradores mecânicos. A discussão pode parecer acadêmica, mas não é, quando se trata de aplicar um dos dois para aumentar a rotação de motores de pouco deslocamento, como os da Honda Civic. Qual é o melhor para a sua aplicação depende do que você está procurando.

Outras pessoas estão lendo

Diferença básica

Tal como acontece com qualquer aplicação, a diferença básica entre superchargers e turbochargers é que o primeiro tira a sua energia de uma correia ligada ao virabrequim e o segundo usa resíduos de calor e pressão produzidos pelo escape. Em termos de função, os turbochargers precisam de pouca ou nenhuma energia para funcionar, enquanto os superchargers sugam energia como um parasita, mesmo quando não estão em uso.

Torque

Os superchargers (particularmente do tipo de deslocamento positivo, preferido por entusiastas dos turbos bolt-on) começam a empurrar o ar para o motor em ponto-morto, por isso eles estão ativos e produzindo torque o tempo todo. Isso é algo muito bom para os motores Civic, que tendem a ser bastante curtos em torques e de baixo rpm. Até mesmo um turbo pequeno não começará a ganhar impulso significativo antes dos 3.000 rpm, o que significa que não contribuem muito para o ronco além do normal.

Potência

Um supercharger médio terá, quando muito, 50 a 80 HP no motor; para produzir a mesma quantidade de impulso com um turbo não é necessária nenhuma potência. Por exemplo, um supercharger fazendo 6 PSI em um motor B18 produzirá cerca de 200 HP, mas um turbo forçando na mesma pressão irá produzir cerca de 270 HP. Essa é uma diferença muito grande aos olhos de qualquer um.

Linearidade

Pelo fato de que os superchargers estão sempre rodando em proporções diretas à velocidade do motor, o impulso sempre aumenta de acordo com o rpm. Isso torna Civic com motores superchargers muito previsíveis e fáceis de controlar no limite. Os motores com turbo tendem a “atrasar” em baixa RPM e vir com uma gigantesca onda de força conforme a revolução for aumentando. Enquanto você manter o motor fervendo em alta rpm, ele se manterá muito previsível; o que permite que ele descenda abaixo da faixa ativa do turbo e a potência caia precipitadamente.

Aplicações

Os superchargers são ideais para aplicações que precisam de muita flexibilidade e torque, como corridas de autocross; como eles fazem qualquer Civic de motor pequeno aparentar mais do que realmente tem, eles também são bons para ultrapassagens rápidas em velocidade média, subir terrenos inclinados e arrancar melhor saindo de curvas apertadas. Os turbos são mais apropriados nas aplicações nas quais é improvável que haja redução de rpm no motor, como em corridas de arrancadas, corridas de muita velocidade e em pistas reais, sem muitas curvas fechadas a serem feitas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível