Como fazer um composto fertilizante a partir de restos de peixe

Escrito por jane smith | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer um composto fertilizante a partir de restos de peixe
Restos de peixe que forem propriamente compostos ajudam a equilibrar a acidez da terra (Martin Poole/Digital Vision/Getty Images)

As bactéricas termofílicas, que crescem em temperaturas entre 40 ºC e 71ºC são as mais eficientes para quebrar os restos de peixe em compostos. Os compostos fertilizantes de peixe impróprios podem criar um odor desagradável e produzir um excesso de amônia. Usando a combinação correta de umidade, temperatura, acidez e material fibroso, é possível reduzir o cheiro desagradável para quase zero ao mesmo tempo em que se retém o nitrogênio e outros nutrientes para as sementes do jardim. Os restos de peixe que forem propriamente compostos ajudam a equilibrar a acidez da terra, e melhorar a drenagem.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Caixa de compostagem com uma tampa apertada
  • Turfa de Sphagnum
  • Restos de peixe
  • Restos de frutas e vegetais
  • Borra de café
  • Sacos de chá
  • Jornal picado
  • Grama cortada
  • Folhas
  • Serragem

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Assegure a oxigenação adequada do composto usando uma caixa de compostagem. Por conta do alto nível de amônia produzido pela decomposição dos restos de peixe, revolver a terra com um garfo ou pá não irá oxigenar o composto suficientemente para mantê-lo ativo.

  2. 2

    Preencha o composto cilíndrico pela metade com a turfa de sphagnum, então adicione os restos de peixe. Cubra com mais turfa de sphagnum e restos de frutas e vegetais, grama cortada, folhas, borra de café, jornal picado, serragem e sacos de chá. Não coloque cascas de ovos ao fazer um composto fertilizante com restos de peixe, o cálcio adicional acelera a produção de amônia. Coloque água o suficiente para encharcar a turfa.

  3. 3

    Gire o cilindro e coloque água na caixa de compostagem, molhando o conteúdo diariamente. Certifique-se de usar uma máscara para pó, principalmente se tiver alguma alergia. Adicione turfa de sphagnum se necessário. Por volta do décimo segundo mês, o composto deve estar pronto para ser aplicado no jardim.

  4. 4

    Vasculhe o composto, coloque de volta na caixa de compostagem qualquer pedaço, de resto de peixe ou de outro material, maior do que uma moeda.

  5. 5

    Deixe o composto envelhecer por pelo menos um ano. Coloque no solo antes do cultivo da próxima plantação.

Dicas & Advertências

  • Certifique-se de usar luvas e uma máscara para pó quando manipular o composto não preparado. Envelheça o composto por pelo menos um ano antes de usá-lo.
  • Não aplique o composto não preparado diretamente em frutas e outros vegetais intencionados ao consumo humano.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível