Como cultivar alamanda-amarela a partir das sementes

Escrito por lisa parris | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cultivar alamanda-amarela a partir das sementes
Em certas partes do país, a alamanda-amarela é considerada uma praga notória (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

A trepadeira da alamanda-amarela, ou Allamanda cathartica, é uma planta de crescimento rápido que prontamente escala arbustos e árvores baixas em troncos duros e emaranhados. Em localizações tropicais, esta amante do calor, é apreciada pelas florações em cachos de flores agradáveis, em forma de trombeta, que ela produz durante o ano todo. Em jardins setentrionais, a alamanda-amarela pode ser cultivada como planta anual; ainda que não sobreviva a um inverno congelante, as exuberantes gavinhas podem ser treinadas a subir em postes, cercas, pérgolas e árvores. Embora a trepadeira seja propagada com mais facilidade por meio de cortes, com algum planejamento avançado, também poderá ser cultivada a partir da semente.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

O que você precisa?

  • Recipientes à prova d'água
  • 3/4 de xícara de água sanitária
  • Cerca de 4 litros de água quente
  • Chave de fenda ou quebra-gelo
  • Substrato vegetal comercial
  • Ficha de arquivo
  • Palito de dentes
  • Película plástica aderente

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Contate a casa de serviços agrícolas local para determinar a data em que ocorrerá a última queda de temperatura na primavera. Comece a propagação das sementes 12 semanas antes do último período mais frio.

  2. 2

    Escolha os recipientes para sementes. Use qualquer material que seja à prova d'água e mantenha a forma: caixas de ovos, embalagens plásticas de pilhas, potinhos de iogurte, latinhas velhas, copos de papel, etc.

  3. 3

    Mergulhe os recipientes por 20 a 30 minutos em uma solução sanitizante feita com 3/4 de xícara de água sanitária e cerca de 4 litros de água quente. Lave-os bem e, em seguida, deixe-os secar ao sol.

  4. 4

    Faça de dois a quatro furos no fundo de cada recipiente com uma chave de fenda ou quebrador de gelo.

  5. 5

    Ponha uma concha de substrato vegetal comercial nos recipientes e encha-os até 2,5 cm da borda.

  6. 6

    Borrife água na parte de cima do substrato e pressione levemente para comprimir o meio de plantio.

  7. 7

    Dobre ao meio uma ficha de arquivo, em toda a sua extensão. Despeje algumas sementes no sulco formado e, então, use um palito de dentes para transferir três ou quatro sementes da ficha para a terra.

  8. 8

    Espalhe o substrato vegetal sobre as sementes para enterrá-las.

  9. 9

    Borrife a terra ligeiramente com água morna, depois cubra os recipientes com folhas de película plástica aderente, e deixe-as em um local aquecido e bem iluminado.

  10. 10

    Verifique as sementes ao menos uma vez por dia. Adicione água, sempre que necessário, para para manter o substrato úmido.

  11. 11

    Remova a película plástica quando surgirem as primeiras folhas; quando os brotos atingirem 7,5 a 10 cm de altura, desbaste as plantas até restar uma por recipiente.

  12. 12

    Transplante as mudas no jardim no início do verão, deixando um espaço de 30 cm entre cada planta.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível