Como cultivar alamanda-amarela a partir das sementes

Escrito por lisa parris | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cultivar alamanda-amarela a partir das sementes
Em certas partes do país, a alamanda-amarela é considerada uma praga notória (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

A trepadeira da alamanda-amarela, ou Allamanda cathartica, é uma planta de crescimento rápido que prontamente escala arbustos e árvores baixas em troncos duros e emaranhados. Em localizações tropicais, esta amante do calor, é apreciada pelas florações em cachos de flores agradáveis, em forma de trombeta, que ela produz durante o ano todo. Em jardins setentrionais, a alamanda-amarela pode ser cultivada como planta anual; ainda que não sobreviva a um inverno congelante, as exuberantes gavinhas podem ser treinadas a subir em postes, cercas, pérgolas e árvores. Embora a trepadeira seja propagada com mais facilidade por meio de cortes, com algum planejamento avançado, também poderá ser cultivada a partir da semente.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Recipientes à prova d'água
  • 3/4 de xícara de água sanitária
  • Cerca de 4 litros de água quente
  • Chave de fenda ou quebra-gelo
  • Substrato vegetal comercial
  • Ficha de arquivo
  • Palito de dentes
  • Película plástica aderente

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Contate a casa de serviços agrícolas local para determinar a data em que ocorrerá a última queda de temperatura na primavera. Comece a propagação das sementes 12 semanas antes do último período mais frio.

  2. 2

    Escolha os recipientes para sementes. Use qualquer material que seja à prova d'água e mantenha a forma: caixas de ovos, embalagens plásticas de pilhas, potinhos de iogurte, latinhas velhas, copos de papel, etc.

  3. 3

    Mergulhe os recipientes por 20 a 30 minutos em uma solução sanitizante feita com 3/4 de xícara de água sanitária e cerca de 4 litros de água quente. Lave-os bem e, em seguida, deixe-os secar ao sol.

  4. 4

    Faça de dois a quatro furos no fundo de cada recipiente com uma chave de fenda ou quebrador de gelo.

  5. 5

    Ponha uma concha de substrato vegetal comercial nos recipientes e encha-os até 2,5 cm da borda.

  6. 6

    Borrife água na parte de cima do substrato e pressione levemente para comprimir o meio de plantio.

  7. 7

    Dobre ao meio uma ficha de arquivo, em toda a sua extensão. Despeje algumas sementes no sulco formado e, então, use um palito de dentes para transferir três ou quatro sementes da ficha para a terra.

  8. 8

    Espalhe o substrato vegetal sobre as sementes para enterrá-las.

  9. 9

    Borrife a terra ligeiramente com água morna, depois cubra os recipientes com folhas de película plástica aderente, e deixe-as em um local aquecido e bem iluminado.

  10. 10

    Verifique as sementes ao menos uma vez por dia. Adicione água, sempre que necessário, para para manter o substrato úmido.

  11. 11

    Remova a película plástica quando surgirem as primeiras folhas; quando os brotos atingirem 7,5 a 10 cm de altura, desbaste as plantas até restar uma por recipiente.

  12. 12

    Transplante as mudas no jardim no início do verão, deixando um espaço de 30 cm entre cada planta.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível