Como construir uma pérgola de jardim usando ramos e galhos

Escrito por kate sheridan | Traduzido por helmir soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como construir uma pérgola de jardim usando ramos e galhos
Construa uma pérgola de galhos e ramos (Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images)

A intuição, muitas vezes, é melhor do que um planejamento detalhado quando seu projeto é construir uma pérgola de galhos, ramos e pedaços de madeira velhos que você encontrou. Com algum conhecimento e muita imaginação, você pode formar uma estrutura robusta, com suporte de vergas e uma copa frondosa em um caramanchão de jardim funcional, barato e único.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Pá de jardim ou pá pequena
  • Fita métrica
  • Serra de mão
  • Tesoura de poda com cabo
  • Cortador
  • Luvas de trabalho
  • Barbante, arame ou parafusos de madeira

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Selecione a área determinando a maneira como você quer usar seu caramanchão. As pérgolas são construídas em propriedades ou em jardins, na inclinação de uma escada ou funcionam como fronteira entre a sua casa e o jardim. Se você estiver planejando usar seu caramanchão para dar suporte a flores ou legumes, selecione um local ensolarado, com solo e drenagem adequados. Pode também colocar uma cadeira ou banco sob o abrigo da pérgola e fazer sua safra de feijão verde no local, colocando a pérgola na entrada de seu jardim.

  2. 2

    Localize seis galhos resistentes ou pequenas árvores para fazer um caramanchão que terá cerca de 1,8 metros de altura e 90 centímetros de largura. Eles devem ser retos e ter pelo menos 2,1 metros de comprimento. Use uma tesoura de poda com cabo e um cortador para remover quaisquer ramos ou galhos que cresçam fora do ramo principal, mas deixe os entalhes no lugar.

  3. 3

    Coloque os seis galhos planos do lado de fora, perto do local que você selecionou. Esses serão os pilares de sustentação do seu caramanchão, formando os quatro postes de canto ou a chamada estrutura da pérgola, e as duas vergas da parte de cima.

  4. 4

    Corte quatro dos pilares com a mesma altura. Tenha em mente que você vai perder cerca de 20 centímetros de sua altura final quando plantar os galhos no chão.

  5. 5

    Cave quatro buracos com, no mínimo, 2,4 metros de profundidade e cerca de 1,2 metros de distância para marcar os cantos da sua pérgola.

  6. 6

    Coloque os pilares de sustentação de canto nos buracos. Volte a encher cada buraco de forma segura com cascalho, argila e pedras, socando com o pé a cada 7,5 centímetros até o pilar ficar bem seguro.

  7. 7

    Corte os dois longos galhos remanescentes do mesmo tamanho, com cerca de 1,8 metros de comprimento.

  8. 8

    Se necessário, use o excesso de madeira para prender os pilares de sustentação dos cantos.

  9. 9

    Coloque um galho na horizontal entre os dois pilares de sustentação frontais, deixando cerca de 30 centímetros de saliência em cada um dos lados. Isso formará a verga frontal.

  10. 10

    Use parafusos de madeira, barbante ou arame para prender a verga aos quatro pilares de sustentação. Você também pode entalhar os pilares com um machado pequeno para abrir um espaço onde a verga possa encaixar, ficando presa dessa forma.

  11. 11

    Repita o mesmo procedimento de atadura da verga com o segundo conjunto de pilares de sustentação e o último galho remanescente.

  12. 12

    Comece construindo as laterais da pérgola, colocando em camadas os ramos mais pequenos e os galhos na horizontal, para ligar os pilares da esquerda frente e trás e, em seguida, os da direita.

  13. 13

    Prenda cada camada de galhos com parafusos de madeira ou barbante. Comece na base da pérgola e continue até ao topo. Você pode fazer as laterais abertas ou densas e fechadas. Seja criativo ao usar os ramos e galhos que você juntou para fazer entalhes, bifurcações e caules ziguezagueantes funcionando como ataduras ou ligaduras.

  14. 14

    Encha as aberturas com mais paus e galhos até alcançar o efeito desejado.

  15. 15

    Utilize os ramos finos, tipo varinha de árvores e arbustos como: os salgueiros, a lindera, o sassafrás e a madressilva para fazer a cobertura. Escolha os ramos mais longos com 1,5 metros de comprimento, para formar a base de seu abrigo, decorando as extremidades da parte de cima das paredes laterais da pérgola, deixando-os pendurados em ambos os lados.

  16. 16

    Fixe a base do abrigo entrelaçando os galhos. Você pode usar barbante ou arame de florista para prender a base às paredes e às vergas, dando-lhe maior estabilidade em regiões sujeitas a vento e a condições atmosféricas ruins.

  17. 17

    Adicione galhos e ramos até concluir sua estrutura.

Dicas & Advertências

  • Prenda barbante ou corda aos pilares de sustentação para guiar videiras, rosas ou legumes que cobrirão sua pérgola com frutas e fragrâncias.
  • Se seu solo for arenoso ou instável, fixe os pilares mais fundos e use cimento de secagem rápida para manter sua estrutura no lugar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível