Danos provocados pela venipunção

Escrito por robert alley | Traduzido por helmir soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Danos provocados pela venipunção
O risco de nervo danificado pode ocorrer como resultado da venipunção (Thinkstock Images/Comstock/Getty Images)

A venipunção refere-se à coleta de sangue de uma veia por intermédio de um punção. Esse procedimento é realizado por um profissional experiente conhecido como flebotomista, pois requer a capacidade de identificar a localização de uma veia, introduzir de uma agulha e, em seguida, extrair o sangue sem quaisquer riscos de lesões. Apesar dos cuidados e do treinamento prévio, podem surgir danos a partir da venipunção.

Outras pessoas estão lendo

Hematoma

Conhecido comumente como hematoma, esse dano acontece mais vezes do que qualquer outra lesão associada à venipunção. O sangramento da veia pode provocar esse problema, que é mais prevalente em mulheres, idosos e pessoas com veias pequenas e de difícil acesso. Na maioria dos casos, o hematoma é menor e soluciona-se por si mesmo, sem necessidade de recorrer a qualquer tipo de tratamento, a não ser a aplicação de compressa e gelo. Pode, porém, deixar uma marca feia no braço por alguns dias.

Artéria furada

Em determinadas situações, a agulha fura uma artéria em vez de uma veia. Isso provoca uma dor profunda e um grande hematoma, embora não aconteça nenhum efeito a longo prazo.

Diaforese e síncope

Esses dois problemas surgem devido ao nervosismo do paciente. Muitas pessoas ficam receosas com o simples pensamento de ver o sangue ser colhido do seu braço. Elas começam por suar muito, condição essa chamada de diaforese. Em casos extremos, elas podem perder a consciência, efeito conhecido como síncope. Embora essas condições pareçam não ser muito graves, o desmaio pode ser perigoso se a cabeça colidir com um objeto quando o paciente sofrer uma queda.

Dano ao nervo

Em situações raras, a agulha pode furar um pequeno nervo sensorial próximo da veia quando ela é introduzida no braço. Se isso acontecer, o paciente pode experienciar um choque elétrico. Embora isso possa ser resultante do dano, ele pode durar até várias semanas levando o doente a sentir um formigamento, mas eventualmente acaba por sarar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível