Definição de COBOL Comp-3

Escrito por j.t. barett | Traduzido por josé fabián
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Definição de COBOL Comp-3
O formato numérico Comp-3 do COBOL permite fazer operações matemáticas com decimais (Thinkstock Images/Comstock/Getty Images)

A linguagem de programação de computadores COBOL define todas as variáveis da memória na "Data Division", uma das quatro divisões maiores que todo programa requer. Na "Data Division", cada variável possui um nome, um tamanho e um formato. Se um programa precisar realizar operações matemáticas, utilize o formato "Comp-3", que armazena os dados numéricos em forma "packed decimal" (decimal empacotada).

Outras pessoas estão lendo

Matemática decimal

O COBOL representa os números na memória de várias formas: como caracteres, como números inteiros e como "packed decimals". Você pode digitar, exibir e imprimir os números em formato de caracteres, mas não pode realizar cálculos com eles; pode fazer operações matemáticas com inteiros, mas sem usar casas decimais. O formato "Comp-3" permite realizar operações com decimais (como valores em dinheiro, taxas e frações). Por exemplo, para calcular o pagamento de um empregado, deve-se multiplicar a variável "horas trabalhadas" pela variável "valor por hora", podendo ser expressado o resultado em reais com centavos (ou seja, decimais). Esse valor é ideal para ser expressado no formato "Comp-3".

Decimal "Packed" (empacotada) vs "Display" (exibida)

Internamente, o computador armazena um dígito decimal em cada meio byte de uma variável "packed decimal". Isso economiza memória e acelera os cálculos. Um campo "display decimal", que pode ser imprimido e exibido na tela, usa um dígito por byte. No formato "packed decimal", os arranjos de bits não correspondem a caracteres exibíveis; se você tentar visualizá-los, verá símbolos sem sentido.

Cláusula "picture"

Toda variável na "Data Division" possui uma cláusula "Picture", que define como o computador armazenará e utilizará a informação. A cláusula define o tamanho da variável, posição do ponto decimal e outras características. No formato "Comp-3", o COBOL permite apenas certos caracteres de definição de formato: S, 9 e V. Um "9" representa um dígito, um "V" localiza o ponto decimal implícito e um "S" diz ao COBOL que você quer conservar o sinal da variável. O COBOL utiliza um "V" em vez de um ponto para indicar que não armazena o caractere real em um campo "Comp-3". Se você omitir o "S" do sinal da variável, o COBOL assumirá que esta conterá apenas números positivos.

Tamanho máximo

O COBOL restringe variáveis "Comp-3" a um tamanho de 18 dígitos, mais o sinal. A sintaxe nesse caso será "S9(18)". Você pode colocar o ponto decimal em qualquer lugar dentro dos 18 dígitos, portanto, a sintaxe "S9(16)V99" também é válida. Note que o "V" do ponto decimal implícito não ocupa uma posição.

Uso

As variáveis "Comp-3" podem ser encontradas tanto nos registros de dados quanto na "Working-Storage Section" da "Data Division", mas nunca em formato impresso ou nos valores exibidos, pois estes requerem campos de tipo caractere. O COBOL verifica o tipo de dado que está sendo movido a uma variável "Comp-3" e, se forem utilizados símbolos que não sejam números, aparecerá um erro e o programa parará.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível