Dicas para equalizar um baixo

Escrito por matthew anderson | Traduzido por vitcho ferroni
Dicas para equalizar um baixo
Diferentes baixos requerem diferentes ajustes

O ajuste na equalização de um baixo é importante para obter um bom tom. O melhor baixo ligado ao melhor amplificador, ainda pode soar horrivelmente se a equalização estiver desajustada. Perder algum tempo para refinar esses ajustes pode causar um grande impacto no som de um baixista. Enquanto o tom é subjetivo e diferentes equipamentos requerem diferentes configurações, algumas dicas no geral podem ajudar qualquer baixista.

Controles de equalização do baixo

Existem alguns esquemas de controles diferentes usados em amplificadores e equalizadores. O ajuste mais básico é ter um botão para graves, médios e agudos. Alguns amplificadores vão um pouco mais longe e separam médios em baixos e altos. Equalizadores em vários casos terão cerca de sete canais, que futuramente irão separar os tons graves, médios e agudos em faixas de tom menores. Quanto mais configurações estiverem disponíveis, mais o tom pode ser esculpido, mas pode levar muito mais tempo para ajustar essas configurações extras.

Graves, médios e agudos

Equalizadores de um baixo geralmente serão divididos em graves, médios e agudos, mesmo quando mais definições estiverem disponíveis. Uma configuração muito baixa pode soar fina e fraca, já uma configuração muito alta pode ser muito desajeitada e indefinida. Uma configuração média baixa pode fazer com que o tom soe florescente e indefinido, já aumentar demais o médio pode criar um desagradável "ronco". Um agudo muito baixo pode soar abafado, e aumentar demais o agudo pode criar um ruido lancinante.

Equalização plana

Na dúvida, a configuração plana de equalização é a mais fácil de se usar. No geral elas não produzem um grande tom, mas o tom também não será desagradável. A definição das notas é decente, mas algumas misturas de notas podem ser um problema. Simplesmente coloque o grave, médio e agudo em uma configuração moderada (geralmente 5). Em um equalizador, as alavancas devem formar uma linha no centro da área dos canais.

Equalização "sorridente"

A configuração "sorridente" pode ser útil para alguns baixistas; ela cria um tom florescente e potente. A definição das notas não é muito boa, e não se encaixa muito bem no estilo de alguns baixistas. A configuração deve ser moderada no meio (perto de 5), com alta definição para graves e agudos (7 a 10). Em um equalizador, as alavancas formam um padrão que lembra um sorriso. Os valores dos ajustes aumentam gradualmente conforme você se afasta do centro do ajuste de frequência.

Equalização "Carranca"

A equalização de carranca é um ajuste mais generalizado que será útil para praticamente qualquer baixista. Essa configuração tem boa definição e aceita a mistura de notas sem muita dificuldade. Ela também ajudará a evitar praticamente todos os tons desagradáveis no ajuste do equalizador com facilidade. O agudo e o grave têm configurações moderadas (perto de 5), com uma variação maior no meio (7 a 8). Em um equalizador, as alavancas formarão uma leve "carranca". Os valores dos extremos de agudo e grave movem-se gradualmente para cima conforme se afastam do centro.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível