Dicas sobre como usar um forno para queimar vidro

Escrito por catherine rayburn-trobaug | Traduzido por luciana p. s. lopes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dicas sobre como usar um forno para queimar vidro
O forno é uma das técnicas mais populares

Poucas pessoas conseguem resistir à beleza das bijuterias e objetos para casa feitos de vidro. Embora esses itens possam ser criados por meio de vários métodos, o forno é uma das técnicas mais populares. Essa arte fascinante requer entendimento tanto de ciência quanto de estética e o resultado baseia-se não somente na prática de técnicas básicas, mas também em conhecer o equipamento.

Outras pessoas estão lendo

Preparando o forno

Antes de usar seu forno para o vidro, aspire qualquer resíduo que possa ter ficado das queimas anteriores. Isso é muito importante para quem usa o equipamento para cerâmica ou outros materiais. Depois que o interior estiver limpo, aplique solução para forno com um trincha japonesa hake ou borrifador. A solução evitará que o vidro grude, estragando sua peça e o forno. Se estiver usando um pincel, aplique quatro camadas finas e agite a mistura enquanto a estiver usando para evitar sedimentação.

Reduzindo as bolhas de ar

Bolhas de ar não intencionais podem arruinar uma peça e são muito difíceis de remover depois que se instalam. É muito mais fácil diminuir a possibilidade de formação de bolhas de ar, mas é necessário seguir um passo adicional. Coloque as peças no forno e aumente a temperatura lentamente para 1200 graus. Aumente em 50 graus a cada hora para que as bolhas se desfaçam. Se as bolhas ainda continuarem no vidro, tente requeimar a peça em uma posição diferente.

Termoformação

A termoformação refere-se ao derretimento de vidro em um molde dentro do forno. Embora pareça uma processo infalível, algumas dicas podem ajudá-lo a obter sucesso. Já que garrafas velhas costumam ser usadas na termoformação, elas devem ser limpas e os rótulos removidos antes de serem colocadas no forno. A maioria dos rótulos sairá quando aquecidos com um secador de cabelos, ao passo que extratos minerais removerão os resíduos de cola. No caso das tigelas, elas costumam ser termoformadas irregularmente. Em primeiro lugar, verifique se seu forno e as prateleiras estão nivelados usando um nível padrão. Além disso, certifique-se de que há uma ventilação adequada, utilizando a solução para forno para desbloquear furos de ar entupidos.

Utilizando inclusões

Inclusões são materiais utilizados entre as camadas de vidro para deixar a peça mais interessante ou alterar a cor ou a reflexão. Folhas de metal da espessura de papel são as mais comuns, mas outros materiais também podem ser usados. O cobre é uma inclusão atraente, mas costuma adquirir uma coloração azulada depois da queima. Para evitar isso, esfregue o metal com uma esponja de cozinha e pinte-o com tinta clara para vidro. Posicione o cobre entre as peças de vidro e queime. Folhas de plantas também podem ser usadas. Folhas desidratadas funcionam melhor, mas se decidir usar uma folha verde, não se esqueça de aumentar a temperatura lentamente para evitar bolhas de ar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível