Mais
×

Diferenças entre eufórbias e cactos

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

As várias semelhanças entre a eufórbia e o cacto se devem à evolução convergente. Por exemplo, ambas possuem troncos suculentos, pois são um tipo de planta que armazena água nos tecidos do tronco. Essa adaptação, juntamente com a falta de folhas, permite que elas sobrevivam em condições altamente áridas. Da mesma forma, a presença de espinhos protege os troncos suculentos de ataques de animais sedentos no deserto. Depois de saber o que se procura, no entanto, eufórbias e cactos são bastante distintos.

As aréolas de espinhas de cactos colunares ocorrem em arranjos lineares (Comstock/Comstock/Getty Images)

Aréolas

Uma característica que define a família Cactaceae é a presença de estruturas externas conhecidas como aréolas. Essas estruturas são facilmente visíveis na superfície de um cacto, onde se parecem com pontos pequenos, muitas vezes difusos. Elas normalmente ocorrem em um padrão linear ou geométrico sobre o corpo do cacto. As aréolas são regiões de nós com crescimento altamente condensado e dão origem a espinhos, flores e brotos. Nenhuma outra planta, nem as eufórbias, possuem aréolas.

Espinhos

Os espinhos dos cactos se diferem dos das eufórbias de uma forma muito perceptível: Os dos cactos crescem das aréolas. Já os das eufórbias parecem crescer diretamente do tronco. Além disso, os espinhos das eufórbias normalmente ocorrem em pares. Isso se deve ao fato de eles serem estípulas altamente modificadas, uma forma de germinação que vem em pares. Os espinhos dos cactos são folhas altamente modificadas e podem surgir sozinhas ou em grupos, dependendo da espécie.

Flores

As flores de cactos, assim como seus espinhos, surgem das aréolas, elas são semelhantes às flores de jardins que têm pétalas e estames facilmente identificáveis e muitas vezes são grandes e coloridas. As flores das eufórbias, por outro lado, são menos prototípicas. As verdadeiras flores são altamente modificadas, constituídas por um único caroço de tecido, que corresponde a um estame solitário ou a um ovário. Essas pequenas flores surgem no interior de uma estrutura similar a uma xícara, conhecida como ciátio. O que pode parecer flores coloridas em eufórbias são, na verdade, folhas pigmentadas, conhecidas como brácteas.

Tipo da seiva

As eufórbias possuem uma seiva leitosa e espessa, conhecida como látex. Em várias espécies, o látex é venenoso e causa erupções cutâneas dolorosas. Por esta razão, evite quebrar as eufórbias da sua casa. É necessário precaução ao podá-las ou ao tirar pedaços delas. Tenha cuidado especial para manter essa seiva longe dos olhos e boca. Os cactos geralmente têm seiva aquosa, embora alguns, como certos membros do gênero Mammillaria, possuam seiva leitosa.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article