Como escrever um epílogo para um romance

Escrito por liza hollis | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como escrever um epílogo para um romance
Escrever um epílogo é opcional em um romance (Photo by Pukalski from www.sxc.hu)

O enredo chegou à sua conclusão, os motivos dos personagens foram abordados e os leitores estão se sentindo satisfeitos. Você terminou o seu livro, não é mesmo? Se sentir que o manuscrito tem algo faltando, considere adicionar um epílogo. É uma maneira eficaz de dar aos leitores uma ideia do que aconteceu após o término da história. A parte complicada, no entanto, é não cair na armadilha de fazer do epílogo o verdadeiro final da história. Aqui estão algumas dicas para escrever um epílogo eficaz.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Romance concluído

Lista completaMinimizar

Instruções

    Escrevendo um epílogo

  1. 1

    Decida em que ponto de vista vai escrever o epílogo. Mantenha-o coerente com o resto do romance e continue com o mesmo ponto de vista do manuscrito. Por exemplo, se a história foi escrita na primeira pessoa, então, evite escrever o epílogo na terceira pessoa. Use essa técnica apenas se você quiser separar completamente o epílogo do romance, criando uma preparação para um outro livro.

  2. 2

    Decida a época da história. Você quer que a ação ocorra 20 anos no futuro, alguns meses mais tarde ou no dia seguinte? Isso ajudará a guiar a história. Determine também quem aparecerá no epílogo. É possível focar-se simplesmente em um personagem ou incluir o futuro de quantos personagens desejar.

  3. 3

    Organize o cenário. Há uma razão para que os epílogos nem sempre sejam incluídos em um romance. Às vezes, o final do conflito atual é suficiente. Um epílogo pode ajudar a dar ao leitor uma noção do que aconteceu após o conflito inicial ser resolvido ou reconhecido. Pense ou ajuste um esboço para determinar o que vem a seguir. Essa trama curta deve fluir com o resto do romance.

  4. 4

    Evite a armadilha "felizes para sempre". Os finais felizes são inspiradores, mas não devem ser utilizados como uma forma de minimizar o conflito que ocorreu no romance.

  5. 5

    Considere usar uma estrutura diferente no epílogo. Por exemplo, o narrador pode terminar com um breve discurso ou você pode concluir com um poema.

  6. 6

    Você quer escrever uma continuação? Se sim, um epílogo é uma ótima maneira de sugerir um conflito não resolvido ou uma nova reviravolta na história que os personagens enfrentarão no próximo livro.

  7. 7

    Um epílogo pode consistir em apenas algumas páginas ou ser bastante extenso. Geralmente, é melhor manter o epílogo breve para que o leitor não tenha a sensação de que toda uma nova história está começando. Devido a isso, você precisa fazer valer cada palavra.

  8. 8

    Formate o epílogo em uma seção separada. Se o epílogo for bem curto, você pode optar por destacá-lo usando uma fonte em itálico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível