Como um espaguete de piscina consegue flutuar?

Escrito por lauren vork | Traduzido por andressa gonzalez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como um espaguete de piscina consegue flutuar?
Todos os objetos flutuantes são capazes de flutuar sobre a superfície da água devido a um conceito científico conhecido como "flutuabilidade" (Wikimedia Commons)

Outras pessoas estão lendo

Flutuabilidade

Alguma vez você já se perguntou como algo tão simples como um espaguete de espuma para piscina pode flutuar e sustentar uma pessoa? Todos os objetos flutuantes são capazes de flutuar sobre a superfície da água devido a um conceito científico conhecido como "flutuabilidade". Isso inclui objetos feitos de materiais que normalmente afundariam, como barcos de metal.

O princípio básico da flutuabilidade diz que, mesmo que a gravidade puxe um objeto para baixo, ele pode flutuar, pois a água exerce sua própria pressão em qualquer coisa em seu interior. Um espaguete de piscina flutua, essencialmente, porque a água o empurra para cima.

Forma e deslocamento

Mesmo que a água coloque pressão sobre qualquer objeto dentro dela, nem todos irão flutuar. A flutuabilidade de um objeto depende da quantidade de água que se desloca ou é empurrada para o lado, a fim de abrir espaço para ele. Para que possa flutuar, um objeto precisa ser moldado de tal forma que desloque a água o suficiente para ser, pelo menos, igual ao seu próprio peso e desloque essa quantidade de água antes de ficar totalmente submerso. Isso é possível porque o deslocamento não se baseia no peso de um objeto, mas em sua densidade. Uma bola sólida de plástico é mais densa do que a água, por isso afundará, pois ela colocará mais pressão sobre a água do que a água colocará sobre ela. No entanto, se o plástico for usado para fazer um recipiente cheio de ar, como um barco ou uma espuma com milhares de pequenas bolhas de ar, ele terá uma densidade mais próxima da contida no ar e muito menor do que a da água. Um espaguete de piscina possui uma densidade baixa o suficiente para que possa suportar, não só seu próprio peso, mas também o peso de uma pessoa na água (os corpos humanos flutuam na água por conta própria, mas precisam de algum apoio para ficar com a face para cima).

Buracos e peso

A diferença entre um barco e uma espuma é que, quando o barco possui um buraco, ele afunda. Isso acontece porque o buraco faz com que o barco se encha de água, fazendo-o afundar, pois já não é menos denso. O espaguete de piscina, por outro lado, pode encher-se de água porque ele é feito com um tipo de espuma que possui bolsões de ar selados ou uma espuma com bolhas de ar muito pequenas que tornam difícil a penetração de água.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível