Estados comportamentais comuns em recém-nascidos

Escrito por stacy zogheib | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Estados comportamentais comuns em recém-nascidos
Um bebê quieto, alerta, está pronto para observar e aprender (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

Para os que são pais pela primeira vez, os humores ou estados comportamentais do recém-nascido podem ser um mistério. Os pais recentes podem achar que seu bebê não faz nada além de comer, chorar e gerar fraldas sujas, mas não é este o caso. Na realidade, há seis diferentes estados comportamentais em recém-nascidos. A maioria passa de um estado a outro ao longo do dia e da noite, contudo, à medida que ficam mais velhos, seus padrões de sono e despertar se tornam mais regulares.

Outras pessoas estão lendo

Quieto-alerta

O estágio quieto-alerta é o estágio da observação e aprendizagem para um jovem bebê. Nesse estágio, seus olhos são escancarados e despertos, e ele está focalizando a atenção em qualquer estímulo à mão. Esse estímulo pode ser um objeto em movimento, um rosto ou voz. À medida que se torna mais velho, o bebê tipicamente passa mais e mais tempo nesse estágio quieto-alerta. Este é o estágio em que ele será mais responsivo à alimentação

Ativo-alerta

Um bebê no estado ativo-alerta tem os olhos abertos, mas não são tão brilhantes e atentos como no estado quieto-alerta. Podem se tornar mais ativos, podendo eventualmente progredir para um estado inquieto e choroso com o excesso de estímulos muito perturbadores. No estado ativo-alerta, o bebê tipicamente tem uma reação ligeiramente retardada aos estímulos, como fome ou manejo. O bebê pode transitar para o estado quieto-alerta com a manipulação delicada ou ao serem atendidas necessidades como a fome.

Choro

Quando um recém-nascido chora, está comunicando que necessita de algo ou está atingindo seus limites. Um recém-nascido choroso pode estar respondendo a estímulos internos, como fome, fadiga ou desconforto, ou dando uma resposta a estímulos externos, como ruído alto ou temperatura desconfortável. Um bebê choroso, particularmente o recém-nascido, geralmente precisa de ajuda para voltar a um estado mais ajustado, uma vez que ele está muito responsivo a quaisquer estímulos desagradáveis. Enfaixar, embalar ou aliviar a fome ou outro desconforto podem ajudar que ele passe para um estado mais ajustado.

Sonolência

No estado sonolento, o bebê tipicamente se tornará mais desperto ou adormecerá, dependendo do tipo de estimulação que receba. Os olhos do bebê podem ser abrir e fechar lentamente ou fechar-se parcialmente, como se estivesse adormecendo. Pode ter uma reação retardada ao estímulo sensorial, mas às vezes ser incitado a um estado mais alerta com o ruído ou o toque. O bebê em estado de sonolência, que não é estimulado, pode eventualmente adormecer.

Sono ativo e profundo

Os dois estados de sono de um recém-nascido são: "sono quieto" e "sono ativo". O sono quieto também é conhecido como "sono profundo". Quando seu bebê está dormindo profundamente, sua respiração será profunda e regular, e ele exibirá bem poucos movimentos faciais ou oculares. Quando estiver em sono profundo, será difícil despertá-lo. Durante o sono ativo, você poderá ver os movimentos oculares e faciais, além de ouvir uma respiração mais irregular. Os bebês nesse estado de sono algumas vezes fazem breves sons inquietos ou chorosos, ainda que não estejam totalmente despertos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível