Como saber se seu gato tem a doença do fígado gorduroso

Escrito por ehow contributor | Traduzido por gabriela cubayachi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como saber se seu gato tem a doença do fígado gorduroso
Gatos idosos e acima do peso têm alto risco de sofrer da doença do fígado gorduroso (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

A lipidose hepática -- doença do fígado gorduroso -- pode ser letal para os gatos se não diagnosticada no começo. É importante conhecer os sintomas, pois você pode levar seu animalzinho ao veterinário para ser tratado. Essa doença específica de felinos pode ser tratada com sucesso se estiver nos estágios iniciais.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Verifique se os hábitos alimentares do seu gato mudaram. A primeira coisa que a maioria dos donos notam é que o animal não está comendo. Infelizmente, a maioria dos gatos que sofrem da doença do fígado gorduroso está acima do peso, então os criadores não pensam muito nisso. O primeiro pensamento que as pessoas têm é que seu gato está ficando mimado. Se você notar que faz dias que seu bichinho não come, leve-o ao veterinário.

  2. 2

    Observe se ele apresenta sinais de letargia. O gato está ficando deitado mais do que o usual? Ao invés de esperá-lo em frente a porta quando você chega em casa, agora ele simplesmente aguarda você encontrá-lo roncando em sua cama? Letargia não característica do seu animal é outro sinal. Depressão também é as vezes observada em gatos com a doença do fígado gorduroso. Se seu felino parece depressivo mas não foram observadas nenhuma grande mudança no seu ambiente que possa ter levado a isso, ele pode estar doente.

    Como saber se seu gato tem a doença do fígado gorduroso
    Anorexia e perda de peso são sintomas da doença do figado gorduroso (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)
  3. 3

    Observe-o de perto. Alguns donos começam a suspeitar que o gato não está comendo, e ao entrar no cômodo, o encontram mastigando. Mas se você notar que ele não está se alimentando, é hora de observar de perto. Ele mantém a comida no estômago? Se ele tenta comer, mas vomita tudo, é possível que esteja nos primeiros estágios da doença.

  4. 4

    Procure por icterícia. É a mais decisiva peça de evidência que conecta seu gato à doença do fígado gorduroso. Para isso, você precisa examiná-lo de perto. Olhe dentro das orelhas e perto das gengivas. Elas devem ter uma cor rosa saudável. Se você notar que o amarelo tinge essas áreas, ou o branco dos olhos e a pele, ele necessita ser levado ao veterinário imediatamente.

Dicas & Advertências

  • O diagnóstico precoce é a chave para ajudar o gato a sobreviver a essa doença.
  • Enquanto é verdade que a maioria dos gatos que desenvolvem lipidose hepática são obesos, nem todos são. Até mesmo bichinhos magros podem ter a doença.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível