A história da Amazon.com

Escrito por cate rushton | Traduzido por julio vizo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A história da Amazon.com
O site Amazon.com é um dos maiores em venda de varejo on-line do mundo (MorgueFile.com: kantor)

O site Amazon.com é um dos maiores em venda de varejo on-line do mundo. Ele tem tido um crescimento monstruoso desde seu humilde início em uma garagem, até a transformação em uma empresa internacional que emprega milhares de pessoas.

Pessoas de todo o mundo compram livros, músicas, filmes e produtos da Amazon e centenas de empresas parceiras.

Outras pessoas estão lendo

Fundação

A Amazon.com foi criada por Jeff Bezos, em 1994. Na época, a empresa era administrada de sua garagem em Bellevue, Washington. Jeff precisou de recursos de Nick Hanauer. Este primeiro investimento de 40.000 dólares foi acompanhado por um maior, de 100 mil dólares de Tom Alburg que ajudou a tornar o novo site mais fácil de ser usado.

Durante o primeiro mês de negócio, Bezos preenchia e enviava pedidos para todos os 50 estados americanos além de outros 48 países. Livros eram os únicos produtos disponíveis naquele momento.

Bezos queria que a Amazon.com fosse mais do que apenas um site de varejo, ele queria criar uma comunidade online. Logo no início, ele adicionou um recurso que permitia aos leitores escreverem suas próprias avaliações de livros para que todos os clientes pudessem ver.

Abrindo o capital

Em 15 de maio de 1997, a empresa tornou-se pública. A oferta pública inicial (em inglês IPO - Initial Public Offering) foi de R$ 39,00 mas até o final do dia, a demanda do público tinha empurrado a cotação para mais de R$53,00 por ação. A empresa levantou R$ 119 milhões. A Amazon.com está listada na Nasdaq como AMZN.

Expansão e popularidade

Em 1997, a Amazon.com acrescentou filmes e música em seu roll de produtos.

Em 1998, a Amazon abriu seu primeiro site no Reino Unido e na Alemanha, onde rapidamente fez sucesso.

Em 1999, a empresa abriu quatro centros de atendimento de pedidos em Fernley, Nevada; Coffeyville, Kansas, e Campbellsville e Lexington, Kentucky para lidar com o grande número de pedidos.

A revista Time destacou Jeffrey Preston Bezos como personalidade do ano em 1999, chamando-o de "rei do cybercomércio".

Características e atualizações

A opção "Look Inside the Book" (olhe dentro do livro), acrescentada em 2001, ficou imediatamente popular como uma ferramenta para os consumidores verem se o livro que eles estavam olhando iria atender suas necessidades. Mais tarde, a ferramenta "Search Inside the Book" (procure dentro do livro), acrescentada em 2003, tornou possível para os consumidores procurarem palavras-chave no texto do livro.

A Amazon criou um novo mercado, onde os vendedores de livros usados ​​podem oferecer produtos para venda, dando uma pequena comissão à empresa.

Ela também criou parceria com muitas empresas que oferecem seus produtos através do site.

Crescimento e sucesso sustentado

Em janeiro de 2009, a Amazon anunciou R$14,8 bilhões em vendas no quarto trimestre de 2008. A empresa tem centros de atendimento em 12 estados dos EUA e em oito países. Sua sede fica em Seattle, Washington, e a empresa emprega mais de 21.000 pessoas em todo o mundo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível