Como identificar um stradivarius

Escrito por james clark | Traduzido por thomas anderson
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como identificar um stradivarius
Um Stradivarius à mostra no Palácio Real em Madrid (http://www.schillerinstitute.org/newspanish/imagenes/clasic_art/stradivarius-2.jpg)

Antonio Stradivari (1644 - 1737) foi um renomado mestre lutier (construtor de instrumentos de corda) que fez cerca de 1.200 instrumentos de corda, todos à mão. Hoje, mais de 270 anos depois, apenas cerca de metade dos instrumentos feitos por ele existe ainda. Virtualmente todos são contabilizados. Preços de leilões de R$ 7 milhões por Stradivarius não são raros, mas a venda de um desses é. Dois violinos Stradivarius estão à mostra no Smithsoniam Museum of American History (Museu Smithsoniano da História Americana) em Washington. Três são mantidos pela Biblioteca do Congresso Americano. Historiadores da música são, praticamente, unânimes em acreditar que Stradivari produziu seu melhor trabalho entre 1698 e 1725. Embora os violinos Stradivarius foram feitos até a morte dele, muitos que feitos depois de 1930 são creditados a seus filhos, Francesco e Omobono. Um especialista quase sempre é solicitado para autenticar um Stradivarius genuíno.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Saiba que as imitações são muitas nas sombras do mundo da coleção de instrumentos musicais. Encontrar um rótulo Stradivarius em um violino é, praticamente, sem valor, já que a indústria artesanal em manufatura e disseminação de rótulos falsos dentro de instrumentos musicais tem tido sucesso há séculos.

  2. 2

    Procure o rótulo tradicional Stradivari, que contém uma inscrição Latina, "Antonius Stradivarius Cremonensis Faciebat Anno", para denotar o nome do criador do violino, a cidade (Cremona) onde os instrumentos foram feitos e o ano seguido de um mês e dia, tanto impresso quanto manuscrito. Mesmo esse rótulo não é garantia de que o instrumento é original.

  3. 3

    Contrate um apreciador que valerá seu custo se você tiver um Stradivarius original. Caso contrário, esteja apto para identificar vernizes e textura em um carvalho elegante de 270 anos. O Stradivari também incrementou suas madeiras com minerais, incluindo silicato de potássio, Bianca, borato de potássio e sódio, para melhorar as qualidades de som. Testes químicos sofisticados que não danificam o instrumento são necessários para estabelecer autenticidade. Contate a Federação Americana de Produtores de Violinos e Arcos para encontrar um apreciador profissional (veja Recursos).

  4. 4

    Perceba que centenas de milhares de violinos foram feitos nos últimos 300 anos usando os métodos e desenhos criados por Stradivari. Você tem mais chances de encontrar uma cópia excelente de um Stradivarius (que também pode valer muito dinheiro) do que um instrumento construído pelo próprio Stradivari.

  5. 5

    Reveja a pesquisa da Smithsonian Institution (Instituição Smithsoniana), que diz que "a autenticidade de um violino só pode ser determinada a partir de estudos comparativos do desenho, modelo, características da madeira e da textura do verniz". A autenticação exige longos testes e comparações por um produtor experiente de violinos.

Dicas & Advertências

  • Não compre nenhum item raro sem consultar um especialista imparcial de confiança.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível