Impotência como um efeito colateral de certos medicamentos

Escrito por bob dobbs | Traduzido por monique monteiro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Existem muitas causas para a impotência, também conhecida como disfunção erétil. Certos medicamentos podem ter impotência como um efeito colateral. Deve-se notar, contudo, que um medicamento que provoca impotência em um homem pode não ter o mesmo efeito em outra pessoa.

Outras pessoas estão lendo

Diuréticos e anti-hipertensivos

Diuréticos e anti-hipertensivos, como a hidroclorotiazida, nifedipina e propranolol, podem causar impotência em alguns homens.

Medicamentos antidepressivos e ansiolíticos

Antidepressivos, tais como a fluoxetina (Prozac) e medicamentos antiansiedade, tais como o diazepam (Valium), têm a impotência como um possível efeito colateral.

Antagonistas dos receptores H2 de histamina e anti-histamínicos

Ambos os anti-histamínicos e antagonistas dos receptores H2 de histamina podem causar disfunção erétil em alguns homens.

Relaxantes musculares

Relaxantes musculares, como a ciclobenzaprina e orfenadrina, têm sido conhecidos por causar impotência em alguns que tomarem esses medicamentos.

Medicamentos para câncer de próstata

Medicamentos para o câncer de próstata, como a flutamida, podem causar impotência.

Medicações de quimioterapia

Medicamentos de quimioterapia, tais como busulfano, podem também resultar em disfunção erétil como um efeito colateral.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível