Mais
×

Como se livrar de tulpas

Atualizado em 23 março, 2017

As tulpas são formas de pensamento criadas pela própria energia espiritual de uma pessoa. Essas formas de pensamento são "programadas" com características físicas e mentais e acredita-se que desenvolvam pensamentos independentes com o tempo. Isso se deve ao fato de a tulpa ter sido criada com a sua energia espiritual e ser tão detalhada na criação, e não derivada da energia do universo. Acredita-se que, às vezes, as tulpas se tornam criadoras de casos após sua criação e podem até decidir ser causadoras de dores aos outros, se forem suficientemente independentes. Para se livrar de uma tulpa, seu criador tem de reabsorver a forma de pensamento.

Instruções

A ideia de tulpas tem origem no budismo tibetano (Photos.com/Photos.com/Getty Images)
  1. Medite na tulpa que você criou para chamá-la para você. Isso pode levar muito tempo, dependendo de quão independente a tulpa se tornou. Faça isso num espaço escuro e calmo.

  2. Imagine a tulpa dentro de um círculo branco diante de você. Isso pode encorajar a aparição da tulpa, dando-lhe um espaço específico para estar.

  3. Concentre-se em reabsorver a tulpa na sua mente. Várias visualizações ajudam a fazer isso, tais como desmanchar a tulpa camada por camada, da mesma maneira que você a construiu; ou imaginar a tulpa como que se dissolvendo e se movendo para você um pouco de cada vez. A tulpa pode desaparecer na sua frente à medida que você visualiza este processo.

  4. Mantenha a sessão meditativa pelo tempo em que se sentir confortável e saudável. Talvez você não consiga reabsorver a tulpa dentro da primeira sessão de meditação e seja preciso repetir o processo por várias sessões até se livrar completamente dela.

  5. Se você não conseguir reabsorver a tulpa com esforço concentrado, procure a ajuda de um monge budista ou de um perito espiritual experiente em formas de pensamento.

Dicas

  • Você também pode tentar visualizar a tulpa debandando e voltando a energia dela para o universo durante as sessões.
  • Muitos acham que as tulpas morrerão no final das contas por conta própria, se lhes for negada energia na forma de crença por seus criadores e pelos que o cercam. Não acredite nela e ela cada vez ficará mais fraca, debandando por conta própria.

Aviso

  • As tulpas são formas de pensamento que tiram energia dos seus criadores para viver. Elas também podem ficar malevolentes em relação a seus criadores e demais pessoas por vontade própria.
  • Sempre procure a ajuda de um perito espiritual qualificado quando lidar com formas de pensamento.

O que você precisa

  • Espaço calmo para meditar
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article