Maquiagem líquida vs Maquiagem em pó

Escrito por crystal p. smith | Traduzido por caio brusamarello soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail

A grande batalha entre cremes e pós

Maquiagem líquida vs Maquiagem em pó
(Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

"Existe um tipo de maquiagem em creme e em pó para todas"

— Lori Taylor, principal maquiadora profissional da empresa de cosméticos Smashbox

Cremes ou pós? Quando se trata de maquiagem, esta pergunta é tão intrigante quanto desafiadora. Com tantos produtos à nossa disposição, a busca pela fórmula perfeita de uma base, um pó bronzeador, um blush ou uma sombra pode ser tão desafiadora quanto uma caça na floresta. A chave para o sucesso é definir quais são os seus objetivos em relação à maquiagem e então decidir qual tipo de maquiagem seria a opção mais adequada.

A Base

Maquiagem líquida vs Maquiagem em pó
Entenda seu tipo de pele e qual estilo de maquiagem ficará bem em você (Paul Tearle/Stockbyte/Getty Images)

Quando se está em busca de opções de base, "é preciso saber qual seu tipo de pele e qual efeito final você deseja", diz Lori Taylor, maquiadora profissional da empresa de cosméticos Smashbox.

Escolher a base errada pode arruinar qualquer maquiagem. "Pós são fantásticos para peles oleosas. Já os cremes oferecem uma maior hidratação e são melhores para peles secas, porém têm a tendência de destacar um pouco as rugas e as linhas de expressão", diz Jeffrey English, maquiador profissional da Sephora.

Taylor acredita que as pessoas que têm a pele oleosa podem aprender a usar produtos em creme e obterão sucesso com a prática, enquanto pessoas com pele normal ou levemente seca podem usar praticamente tudo. Taylor diz que deve-se usar um creme preparador conhecido como primer, para todos os tipos de pele, produto que ela descreve como algo que oferece "cuidado com a pele e cor".

O próximo passo é ter claro o tipo de resultado final que você deseja. Você quer uma pele fosca ou bem iluminada? Você quer um look perfeito para uma festa? Pós podem parecer mais naturais pois fornecem menos cobertura e têm menos pigmento, o que faz com que sejam ótimos para peles que são geneticamente superiores. Fórmulas em cremes têm muito mais pigmentos e maior cobertura, porém tendem a não durar tanto quanto os pós (o que faz com que sejam uma ótima escolha para festas durante a noite, porém nem sempre a melhor opção para um dia longo). "Pós geralmente dão uma aparência mais fosca, a não ser que eles tenham iluminadores", diz English. "Cremes realçam o brilho natural da pele, deixando-a com um aspecto fresco e bonito", ele complementa.

Outro ponto a ser considerado é a facilidade da aplicação. Fórmulas em creme podem ser aplicadas e espalhadas com os dedos, enquanto pós são portáteis porém devem ser aplicados com um pincel. "Pós são ótimos para retoques, para absorver o óleo da pele, são fantásticos para definir o estilo da maquiagem e têm tendência a durar um pouco mais do que suas variações em creme", diz English.

Até mesmo com todas essas considerações importantes, escolher entre um creme e um pó não precisa ser uma decisão tão seca. Graças aos avanços tecnológicos na indústria de cosméticos, muitas fórmulas em creme agora são livres de óleos, o que as torna ótimos produtos para peles oleosas e com acne. Assim como alguns pós, especialmente os de origem mineral, podem funcionar bem com peles secas. De modo geral, diz Taylor, "existe um tipo de maquiagem em creme e em pó para todas".

Pó bronzeador

O tipo mais comum de pó bronzeador tem a fórmula em pó e é facilmente aplicável com um pincel para adicionar contornos ao rosto. O pó bronzeador de base líquida surgiu há pouco tempo. Apesar de darem um brilho ao look, os líquidos são de difícil aplicação. Bronzeadores em creme ou líquido são mais pigmentados do que os feitos em pó e podem ser misturados com a base para dar mais cor ao rosto. Você também pode aplicar bronzeadores líquidos com uma esponja ou com as pontas dos dedos, mas normalmente eles são mais difíceis de se espalhar do que os feitos em pó.

Blush

Maquiagem líquida vs Maquiagem em pó
Aplique o blush em creme e em pó para um look mais intenso (Jupiterimages/Pixland/Getty Images)

O blush com fórmula em creme é mais pigmentado e ótimo para se espalhar antes do blush em pó para dar mais intensidade. Assim como outros tipos de maquiagem, escolher entre pó ou creme depende do tipo de resultado final que você deseja e do seu tipo de pele. Se você tiver problemas com acne, colocar muitos produtos em creme deixará sua pele muito carregada. Se você quiser seguir a tendência do blush mais marcado, a fórmula em creme dá um brilho bonito. Se você quiser aumentar a intensidade do brilho, aplique uma camada de blush em pó e misture sobre o blush em creme.

Sombra

Maquiagem líquida vs Maquiagem em pó
Sombras em creme ou pó podem criar efeitos diferentes (Paul Tearle/Stockbyte/Getty Images)

Sombras em creme surgiram há poucos anos, porém a maior critica é que elas perdem a cor rapidamente. Uma solução fácil é o primer, que prepara a pele e faz com que a cor dure mais, como um pó. Os produtos que combinam base e pó, diz English, "parecem fluídos e sem forma quando aplicados, porém secam e ficam ótimos", desta forma o resultado tem tanto o pigmento quanto a longevidade. Algumas sombras em creme vêm em tubo e pode ser aplicadas diretamente na pálpebra e espalhada com os dedos. Sombras em pó podem ser aplicadas com um pincel ou com as pontas dos dedos e são especialmente boas para criar um efeito esfumaçado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível