Como medir uma prancha de wakeboard

Escrito por linda emma | Traduzido por mariana pelicano
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Enquanto um praticante de finais de semana pode aderir à filosofia de que um tamanho serve para todos ao convidar amigos para andar de wakeboard (normalmente por volta de 136 cm), wakeboarders habilidosos sabem que tamanho e ajuste importam. Antes de tentar pegadas, rotações e giros é melhor ter certeza que está seguro em sua prancha.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Medindo sua prancha de wakeboard

  1. 1

    Comece com o comprimento. Os dois fatores mais importantes ao escolher uma prancha são: o tamanho e a habilidade do atleta. Ao contrário dos atletas de snowboard, é o peso, e não a altura, que determina qual deve ser o comprimento da prancha. Quando mais pesado o participante, mais comprida deverá ser a prancha. Crianças normalmente usam pranchas que têm cerca de 120 cm de comprimento; para mulheres, é adequada uma prancha entre 125-135 cm; para homens, uma prancha entre 135-140 cm; e para adultos grandes (com mais de 90 kg), a prancha deve ter entre 140-145 cm. Verifique o site abaixo para um gráfico mais exato de tamanhos.

  2. 2

    Considere a destreza e a habilidade do atleta. Uma pessoa com habilidade inata e preferência pessoal pode ignorar o gráfico de tamanhos. Pranchas maiores oferecem estabilidade na água, uma maior relação entre as superfícies e mais fricção. No entanto, isso também leva a uma menor manobrabilidade, mais resistência da água e menos velocidade. Se você já é um snowboarder ou skatista, considere seu próprio conforto na prancha como referência.

  3. 3

    O rocker, ou superfície de comando de uma prancha de wakeboard, é o inclinação da prancha nas extremidades. Um rocker mais baixo significa que a prancha se apoia na água com mais estabilidade e, assim, é mais indicada para iniciantes. No entanto, quanto mais próximo da água, mais difícil será para fazer curvas fechadas. Wakeboarders experientes optam por rockers mais elevados, pois o ponto pivô é menor, proporcionando curvas fechadas e precisas que possibilitam ao usuário uma aterrizagem mais rápida após um salto.

  4. 4

    Enquanto hoje existem tantas diferentes formas quanto existem fabricantes, uma diferença básica está entre bordas quadradas ou redondas. Iniciantes vão com as bordas quadradas, pois oferecem mais controle e estabilidade, enquanto wakeboarders mais experientes irão querer as mais arredondas, para que consigam fazer seus truques "insanos" com menos risco da quina da prancha desestabilizá-los.

  5. 5

    Pranchas geralmente têm ponta única ou dupla. Uma prancha com ponta única é apontada na frente e plana atrás, como um modelo antigo de esquis. As com ponta dupla se parecem mais com um skate ou prancha de snowboard, arredondada em ambas as extremidades. Se sua experiência com pranchas vem do skate ou snowboard, você provavelmente escolherá uma com ponta dupla; se você esquia, escolherá uma com ponta única.

  6. 6

    Ache uma quilha que lhe sirva. Todas as pranchas de wakeboard vêm com quilhas embutidas, que ajudam na direção e estabilidade. No entanto, você pode adicionar quilhas para um movimento mais definido. As menores e mais finas podem ser usadas por wakeboarders mais experientes para agitar um lago com curvas fechadas e giros e são boas para iniciantes em águas macias; mas as mais largas são melhores para os novatos, pois oferecem mais estabilidade em mares agitados. Sacrificar as quilhas adicionais é uma boa ideia se você vai fazer manobras de superfície, como butterslides e giros.

  7. 7

    Um teste simples para surfistas determinarem qual pé colocar na frente é ficar parado em pé e alguém dar um empurrão. Faça isso algumas vezes. Com qual pé você se apoia para evitar cair? Pronto. Este é o pé que você posicionará à frente.

Dicas & Advertências

  • Se você está escolhendo uma prancha para seu barco e não para você mesmo, uma um pouco maior permitirá que mais pessoas a bordo participem.
  • Sempre vista um colete salva-vidas.

Não perca

Recursos

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível