Objetos que desafiam a gravidade

Escrito por emma woodhouse | Traduzido por thais vieira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Objetos que desafiam a gravidade
Balões de hélio parecem desafiar a gravidade por flutuarem no ar (Jen Siska/Lifesize/Getty Images)

A gravidade é a força que mantém nossos pés no chão e faz com que objetos caiam em direção à Terra quando derrubados. Alguns objetos parecem desafiar a gravidade e se afastam naturalmente do chão ao invés de irem em direção a ele.

Outras pessoas estão lendo

Gravidade

A gravidade é uma força atrativa que age sobre todos os objetos com massa. Ela puxa objetos maciços para objetos mais maciços. Por exemplo, tudo na Terra é constantemente puxado para o chão por causa da grande massa do planeta. No entanto, os objetos na Terra também estão puxando o chão em direção a eles, mas a diferença de massa entre, por exemplo, uma pessoa, é que a Terra é tão grande que essa atração não é perceptível.

Objetos cheios de gás

Objetos cheios de gás de baixa densidade parecem ir contra a gravidade. A gravidade está agindo sobre esses objetos, mas por terem pouca massa a força não é suficiente para trazê-los para o chão. O que faz com que estes objetos movam-se através do ar para longe da Terra é o fato da sua densidade ser menor do que a densidade do ar na atmosfera. Por exemplo, um balão cheio de hélio flutuará porque o gás hélio tem uma densidade menor que a do ar.

Aeronave

As aeronaves parecem ir contra a gravidade. Elas se dividem em duas categorias: mais leves que o ar e mais pesadas que o ar. Aquelas que são mais leves que o ar, contam com o mesmo princípio que os objetos cheios de gás de baixa densidade, mas têm equipamento que permite ao piloto conduzir a aeronave e evitar que ela flutue para cima sem parar. Aeronaves que são mais pesadas ​​do que o ar, como aviões e helicópteros, usam princípios aerodinâmicos. As asas em um avião desviam o ar para baixo e fazendo-o fluir sob a asa mais rápido do que flui sobre ela, levantando o avião.

Foguetes

Os foguetes voam tão rápido que eles podem escapar da gravidade da Terra. Para fazer isso, a energia cinética dada ao foguete durante a decolagem tem de ser maior ou igual à força gravitacional que puxa o foguete para a superfície da Terra. A velocidade de escape é a velocidade que o foguete precisa alcançar para ter energia cinética suficiente e depende apenas da massa e raio da Terra. A massa do foguete é negligenciada, porque é muito pequena em comparação com a massa de terra. A velocidade de escape da Terra é de cerca de 40.000 km/h.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível