Os perigos da areia sanitária para gatos

Escrito por naomi bolton Google | Traduzido por luiza g. brando
Os perigos da areia sanitária para gatos

O tipo errado de areia sanitária pode ser perigoso para os gatos

BananaStock/BananaStock/Getty Images

Perigos em potencial para o gato e para o dono podem estar espreitando na areia para gatos utilizada. A bentonita sódica, um material de rejunte e ligamento tradicionalmente utilizado como selante, é acrescentada a muitas fórmulas aglutinantes. Os gatos inalam a poeira que reveste essa areia e ingerem pedaços dela quando se limpam após uma visita ao banheiro. A sílica cristalina, que também é adicionada à areia para gatos, é cancerígena. As areias aglutinantes e as que contêm sílica cristalina são, portanto, potencialmente perigosas para os gatos. Os vírus presentes na areia podem ser danosos a mulheres grávidas. Jogar a areia no vaso sanitário pode espalhar esses vírus no meio ambiente.

Outras pessoas estão lendo

Areia aglomerante

Após visitar a caixa de areia, os gatos costumam se lamber. A poeira associada à areia aglutinante é então ingerida à medida que o gato se limpa. Essa poeira reveste o intestino do felino e impede a absorção correta de nutrientes. A presença dela também deixa o gato desidratado. A areia em si é produzida de modo a formar uma massa insolúvel quando exposta à umidade. As areias sanitárias aglutinantes podem fazer com que o felino afetado fique letárgico e acabe sofrendo com uma variedade de problemas, incluindo vômito e diarreia. Os gatos também podem ficar com problemas respiratórios e nos rins. A bentonita sódica, uma argila, é frequentemente acrescentada a esse tipo de areia sanitária como agente aglutinante. Além disso, a bentonita sódica fica até 15 vezes mais inchada que o volume original quando molhada, e age como um cimento que se expande no intestino do gato.

Pó de sílica cristalina

Algumas areias sanitárias contêm pó de sílica cristalina. Esse produto, que não é biodegradável, foi exibido pela Agência Internacional de Pesquisa em Câncer como carcinogênico, ou seja, causador de câncer em humanos. O pó de sílica cristalina também se acumula nos pulmões dos gatos e causa uma doença chamada silicose. Os felinos com silicose sofrem com capacidade pulmonar reduzida, a qual se manifesta através da respiração curta.

Toxoplasmose

As fezes dos gatos contém o vírus da toxoplasmose, o qual pode ser perigoso aos fetos humanos. Os felinos são contaminados quando comem certos roedores infectados. As caixas de areia são relativamente pequenas e usadas com frequência. Os gatos costumam cavar após fazerem as necessidades, e assim, ficam com areia e pó nas patas, carregando nelas também o vírus, o qual podem transmitir para os donos ao saudá-los, ao brincar com eles e quando estão sendo escovados. Os donos de gatos também ficam expostos ao vírus quando catam as fezes e limpam a caixa de areia.

Jogar a areia no vaso sanitário

Nem todos os municípios possuem sistemas de tratamento de esgoto que filtram o toxoplasma, de modo que esse parasita acaba indo para o mar, onde fica concentrado na carne de invertebrados filtradores, como os mexilhões. De acordo com cientistas da Universidade da Califórnia, as mortes de lontras-marinhas em anos recentes podem ser atribuídas ao ato de se jogar a areia para gatos no vaso sanitário.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media