Protocolo WEP com chaves hexadecimais e ASCII

Escrito por steve mcdonnell Google | Traduzido por cezar rosa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Protocolo WEP com chaves hexadecimais e ASCII
O WEP cria uma chave secreta de 40 bits para autenticação (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

O Wired Equivalent Privacy, ou WEP, é um protocolo de privacidade inicialmente criado para redes sem fio. O WEP utiliza uma senha em ASCII, ou texto simples, e converte-a em uma chave secreta hexadecimal. A chave secreta é usada por dispositivos de rede do cliente para obter acesso à rede sem fio. Ao configurar os dispositivos de rede, é fácil ficar confuso se você deve introduzir um valor ASCII ou hexadecimal, e o melhor é padronizar a chave secreta em hexadecimal para todos os dispositivos. Alguns dispositivos referem-se a chave hexadecimal como se ela tivesse comprimentos diferentes, mas há apenas dois comprimentos suportados pelo WEP. Se você estiver usando WEP, considere mudar para um protocolo mais seguro, como o WPA ou WPA2. Embora o WEP forneça proteção contra usuários casuais, sua senha pode ser descoberta por alguém com um pouco de conhecimento sobre redes e com o software certo.

Outras pessoas estão lendo

Senha em ASCII para chave secreta hexadecimal

Em uma configuração típica para roteador sem fio com segurança WEP, você digita uma senha em ASCII, ou caracteres alfanuméricos simples. O roteador converte a senha em uma chave secreta de 40 bits, representada por 10 caracteres hexadecimais, e fornece a você com a chave secreta. Alguns roteadores oferecem a opção de usar um maior nível de criptografia WEP, às vezes chamado de WEP2, que converte uma senha ASCII em uma chave secreta de 104 bits, representada por 26 caracteres hexadecimais.

Configuração do dispositivo do cliente

Quando você configurar uma placa de rede sem fio de um dispositivo cliente, às vezes, você pode fornecer ou uma senha ASCII, que a placa de rede converte em 10 ou 26 caracteres hexadecimais, ou a chave secreta hexadecimal. Preste muita atenção para as instruções do dispositivo sem fio que você está usando, pois alguns dispositivos permitem que você digite a senha ASCII ou como um número hexadecimal ou ASCII, e alguns dispositivos requerem que você use números hexadecimais prefixados com "0x". Se você digitar a chave secreta hexadecimal no campo de senha, o dispositivo irá convertê-lo em uma chave que não corresponde àquela do roteador. Se você digitar sua senha ASCII em vez da chave secreta em hexadecimal, e sua senha ASCII possuir 13 caracteres (que corresponde a 26 caracteres hexadecimais), alguns dispositivos de rede irão utilizar a versão hexadecimal como a chave secreta, e não serão capazes de se conectar à rede sem fio.

Equipamentos de diferentes marcas

Quando você tem uma rede sem fio com diferentes marcas de roteadores e placas de rede, muitas vezes, é mais fácil usar a chave secreta hexadecimal criada pelo primeiro roteador sem fio em cada dispositivo de rede, mesmo quando você tem a opção de inserir uma chave ASCII. Padronizar a forma de configurar o protocolo WEP resultará em menos erros e melhor suporte ao cliente. Além disso, nem todos os dispositivos irão aceitar uma chave ASCII. Digitar a chave secreta hexadecimal também fornece uma melhor verificação de erros, já que a maioria dos dispositivos irá rejeitar uma chave que não seja de 10 ou 26 caracteres.

Criptografia de 40 bits e 64 bits

Alguns fornecedores de soluções para redes irão se referir a encriptação WEP de 64 bits em vez de 40 bits, e para a maior encriptação WEP, de 128 bits, em vez de 104 bits. Quando a placa de rede do cliente e o roteador se comunicam com a chave secreta, a placa sem fio cria um vetor de inicialização de 24 bits que a posiciona no início da chave de criptografia WEP. Isso resulta em uma chave combinada que tem entre 64 bits ou 128 bits de comprimento. O usuário não vê ou tem controle sobre o vetor de inicialização de 24 bits, o que normalmente muda a cada transmissão do dispositivo de rede para o roteador.

Protocolo menos seguro

Embora a criptografia WEP forneça mais segurança do que não ter nenhuma criptografia, é a opção menos segura fornecida por dispositivos de rede atuais. A chave secreta WEP pode ser obtida com o mínimo de esforço através das comunicações entre um roteador sem fio e os clientes de sua rede usando um software de espionagem e qualquer placa de rede sem fio. Existem protocolos mais seguros com dispositivos de rede mais atuais, como o WPA e WPA2.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível