Quais são as três maneiras através das quais cristais são formados?

Escrito por annie taylor | Traduzido por jessica pietro pupo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são as três maneiras através das quais cristais são formados?
Diamantes são uma mercadoria muito procurada (Jeffrey Hamilton/Digital Vision/Getty Images)

Na física e na química, a palavra cristal é usada em referência a qualquer sólido no qual todos os átomos estão arranjados de uma maneira ordenada. A estrutura da superfície de cristais é simétrica, e os átomos dentro dele são arranjados em células unitárias. Cada uma dessas unidades estruturais individuais se repete em todas as direções, criando uma simetria. Cristais são encontrados na natureza, mas também podem ser criados em laboratório usando diferentes técnicas.

Outras pessoas estão lendo

Cristalização fundida

Químicos usam esta técnica de cristalização para purificar componentes sólidos. Compostos que são solúveis tendem a se dissolver mais em líquidos quentes do que frios. O composto derrete e é dissolvido em uma solução quente. Ao resfriar, o composto irá cristalizar em forma pura. Na natureza, essa forma de cristalização é encontrada na superfície do fundo do oceano, quando o magma esfria após erupções vulcânicas.

Cristalização de solução

Na cristalização de solução, a água é frequentemente usada para separar cristais de um solvente. Uma solução é primeiramente saturada até seu potencial máximo, pela adição do composto a uma xícara de água. O composto é adicionado enquanto se mexe a solução, somente até quando começa a acumular no fundo, sem se dissolver. O conteúdo da solução é então despejado em um funil, que é forrado com papel de filtro. O filtro é então removido e deixado para secar até que a água evapore e os cristais comecem a se formar.

Cristalização de vapor

Cristais podem ser formados a partir de vapores através da técnica de gotejamento. Nessa técnica, uma pequena quantidade de solução, de 1 a 40 microlitros, é misturada com o reagente de cristalização. A concentração dessa quantidade mínima é inicialmente menor do que aquela do reservatório. O reservatório puxa água dessa quantidade mínima em fase gasosa ao longo do tempo. Existe um equilíbrio entre a solução e o reservatório, lentamente saturando a amostra e levando à cristalização.

Fatores que afetam a cristalização

Os fatores que afetam a taxa de cristalização e tamanho dos cristais formados incluem a presença de impurezas e aditivos. Quanto maior o tempo permitido para a evaporação, maiores os cristais ficarão. Caso seja permitido menos tempo, acelerando o processo através do aquecimento, cristais menores serão formados.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível