Como renovar estofados de poltronas antigas

Escrito por liza hollis | Traduzido por edeburges maria mello de souza edeburges
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como renovar estofados de poltronas antigas
Embaixo de sua cadeira velha está uma bela antiguidade esperando para brilhar (old chair image by MAXFX from Fotolia.com)

As poltronas antigas têm uma história e charme que não podem ser comparados às suas versões contemporâneas. Se encontrou uma em um antiquário, loja de segunda mão, mercado de pulgas, liquidação de garagem ou mesmo no porão de um parente, pode dar-lhe uma nova vida estofando-a. Para evitar comprometer a integridade da cadeira, pesquise sobre a época na qual ela foi feita ou tenha a peça avaliada antes de iniciar qualquer trabalho de restauração.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Tecidos para estofamento
  • Chave de fenda ou alicate pontiagudo
  • Enchimento de madeira
  • Lixa fina
  • Tinta ou verniz
  • 5 cm de espuma para estofamento
  • Estilete
  • Pedaços de algodão
  • Pano musselina
  • Tesoura
  • Grampeador
  • Viés de acabamento
  • Pistola de cola quente (opcional)
  • Agulha e linha (opcional)

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Retire qualquer tecido velho desgastado ou grampos com uma chave de fenda ou alicate de ponta fina. Esse processo deve ser delicado, caso queira salvar seus velhos pedaços de tecido como um padrão para o seu tecido novo. Remova qualquer sujeira ou restos da estrutura da cadeira com um pano molhado.

  2. 2

    Restaure todos os pedaços de madeira, conforme necessário. Caso haja pequenas fissuras na estrutura da poltrona, corrija com enchimento de madeira. Assim que a carga estiver completamente seca (talvez possa demorar pelo menos 24 horas) lixe com uma lixa fina. Pinte ou envernize a estrutura da cadeira da forma desejada antes de adicionar qualquer material de estofamento.

  3. 3

    Substitua qualquer espuma de estofamento necessária ou tela de algodão. Coloque sua espuma em cima da seção da poltrona que deseja cobrir, colocando-a diretamente sobre a estrutura. Corte-a com um estilete. Não há necessidade de grampear sua espuma, pois os rebatadores e os tecidos vão mantê-la no lugar. Borrife uma camada de cola na parte de cima da espuma e cubra-a com a tela de algodão. Grampeie a tela no lado de baixo da estrutura de sua cadeira.

  4. 4

    Use suas peças do tecido velho como padrões para cada seção de sua cadeira. Caso não seja possível salvar o tecido anterior, coloque um pedaço de tecido de musselina sobre a área que deseja cobrir. Trace seu padrão com um lápis. Dobre o tecido ao meio na vertical e marque para a simetria. Estenda o seu pedaço de tecido de musselina e adicione 3 a 5 cm em todos os lados do seu padrão. Corte sua forma.

  5. 5

    Alfinete velhos pedaços de tecido de musselina no seu modelo de tecido do estofamento desejado. Seu padrão deve ser fixado diretamente em cima do tecido com o lado impresso para cima. Apare em torno de seus padrões e corte a sua forma.

  6. 6

    Posicione o tecido sobre a seção que quer cobrir. Puxe-o forte sobre a parte de baixo de sua poltrona e grampeie o tecido diretamente na sua estrutura com um grampeador. Não puxar com força fará com que seu produto fique com um acabamento irregular e disforme.

  7. 7

    Percorra centímetro por centímetro de tecido sobre áreas curvadas e cantos de sua cadeira. Caso seu estofado seja de um pano grosso, talvez seja preciso cortar fendas de 2,5 cm de comprimento no tecido para ajudar a dobrá-lo corretamente no lugar. Novamente, puxe firme e use uma quantidade generosa de grampos.

  8. 8

    Deixe pelo menos 0,5 cm de excesso de tecido ao longo de sua linha de grampos. Corte qualquer material adicional.

  9. 9

    Adicione materiais decorativos que se adequem ao período no qual a cadeira foi feita. Por exemplo, cole ou costure viés decorativo ou cordões.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível