Como as resinas das árvores são colhidas

Escrito por andy watkins | Traduzido por alexandre amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como as resinas das árvores são colhidas
Âmbar é resina de árvore fossilizada (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

As árvores possuem um sistema de dutos de resina alinhados pelas células que produzem muitos tipos de produtos químicos, incluindo resinas. A árvore gera esses compostos complexos para servir de defesa contra invasores como insetos, bactérias e fungos, além de servir como proteção contra o frio. As pessoas colheram resinas de árvores por milhares de anos. Alguns métodos antigos ainda são usados, mas métodos novos foram desenvolvidos. Pinheiros são comumente usados para o extrativismo, mas muitas outras espécies também produzem resinas.

Outras pessoas estão lendo

Tipos de resina

As resinas são usadas em centenas de componentes incluindo revestimentos, aromatizantes, remédios, incenso, plásticos e adesivos. Ela é quimicamente diferente do látex e das gomas, que são produzidas pela quebra da celulose. Elas podem ser divididas em três grupos -- resinas duras, oleorresinas e goma-resinas. As duras possuem pouco óleo, então endurecem rapidamente. Oleorresinas possuem muito óleo, por isso são líquidas. As goma-resinas são misturas de resina e goma, e têm um visual leitoso.

Drenagem de árvores

A goma-resina é extraída a partir de um processo chamado drenagem. Uma árvore viva é cortada e a resina flui a partir do corte. Esse corte é feito em V para que a resina flua até um ponto e seja coletada por um recipiente. Dois produtos são feitos de resina de pinheiros: a terebintina é destilada a partir das sobras da resina. A resina é usada para fazer sabão, desinfetantes, adesivos e perfumes.

Polpas e tocos

A resina pode ainda ser extraída de lascas de madeira e dos tocos das árvores após a árvore inteira ter sido colhida. As lascas são transformadas em uma polpa e a resina é extraída quimicamente usando um composto de enxofre chamado sulfato. Tocos de árvores podem ser esmagados e a resina pode ser extraída com solventes. Ambos os processos exigem maquinaria para extrair e destruir a árvore. A drenagem mantém a árvore viva e pode ser repetida anualmente.

Extração dos insetos

A goma-laca é feita a partir de um material extraído da resina de muitas espécies de árvore. Um inseto (Kerria lacca) se alimenta da seiva da árvore e libera a parte da resina como excremento. O Kerria lacca usa essas secreções de resina como um casulo protetor contra os predadores. Essas secreções são coletadas e processadas para fazer a goma-laca, que é usada para fazer vernizes para acabamento em madeira. A goma-laca não é à prova d'água.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível