Mais
×

Sinais de infecção após um aborto

Atualizado em 17 abril, 2017

Cerca de 3% das mulheres que têm um aborto espontâneo no primeiro trimestre da gravidez desenvolvem uma infecção durante o período de recuperação pós-aborto. Apesar da infecção ser facilmente tratada, é importante conhecer os sinais para que você possa procurar um médico se suspeitar que possa ter uma infecção.

Um aborto sempre é um momento difícil, mas não descuide da sua saúde (Jeffrey Hamilton/Photodisc/Getty Images)

Febre

Chame seu médico se você tiver uma febre de mais de 38 ºC após um aborto espontâneo. Calafrios podem ou não acompanhar a febre.

Dor severa

Embora a dor possa ser um efeito colateral comum do aborto, ela não deve ser severa. Sempre consulte um médico se você estiver tendo dor severa na parte inferior das costas ou no abdômen.

Corrimento vaginal malcheiroso

Um odor vaginal com cheiro de peixe quase sempre significa infecção.

Tratamento

Se o seu médico determinar que você tem uma infecção, o tratamento provavelmente será com antibióticos.

Quando procurar tratamento

Se você tiver qualquer suspeita de que possa ter uma infecção, procure tratamento. Infecções pós-aborto podem ser fatais e, embora raras, é melhor errar pelo excesso de cautela e deixar o seu médico decidir se você precisa de antibióticos.

Prevenção

As infecções nem sempre podem ser evitadas, mas seguir as instruções do seu médico de evitar tomar banho e não inserir nada na vagina por uma ou duas semanas após um aborto irá reduzir o risco. Isso geralmente também significa abster-se de relações sexuais por uma ou duas semanas.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article