Como testar ouro mineral

Escrito por lea clark | Traduzido por victor peña
Como testar ouro mineral
Uma rocha pode ser testada se for suspeita de conter ouro (Pyrite (fool's gold) isolated on white image by Tamara Kulikova from Fotolia.com)

O ouro vem sendo um metal valioso há muitos anos. A mineração do ouro não só é uma indústria multimilionária , como também é um passatempo popular. Se você tiver uma exposição na rocha que pareça ouro, você pode testá-la até mesmo em casa. O mesmo teste descrito aqui também é válido para pepitas, flocos e pó de ouro. As características que fazem do ouro um metal tão desejado para jóias e uso industrial, são as mesmas que o fazem difícil de testar. O ouro é quimicamente estável, portanto é necessário que ele reaja com uma mistura de ácidos, chamada água régia, para dissolver.

Instruções

  1. 1

    Prepare sua solução de teste e coloque-a nas garrafas. Uma garrafa deverá conter apenas o ácido nítrico e a outra deverá conter a água régia. Misture a água régia no cilindro graduado e então, cuidadosamente, passe para a garrafa de teste. A água régia é feita misturando uma parte de ácido nítrico para três partes de ácido clorídrico.

  2. 2

    Risque suas amostras, uma de cada vez, em sua rocha de teste para deixar uma risca mineral.

  3. 3

    Pipete uma pequena quantidade de ácido nítrico na risca. Opcionalmente, você também pode colocar o ácido diretamente em sua amostra.

  4. 4

    Observe a cor que o ácido fica quando reagir com a risca na rocha. Se o ouro for de mais de 14 quilates de pureza, não haverá reação. Se o ouro estiver presente em uma concentração de 12 quilates, a amostra ficará marrom clara. Se houverem 10 quilates de ouro presente, a amostra ficará marrom escura. Uma cor roseada indica uma concentração muito baixa de ouro. Azul indica cobre.

  5. 5

    Se a amostra não reagiu, siga esse passo para determinar se há ouro presente com uma alta pureza. No lado oposto da rocha de teste, esfregue a amostra para que ela deixe uma risca. Comece com o fio de ouro de 14K. Risque o fio ao lado da risca feita com a amostra. Cuidado para não deixar as linhas se intersectarem.

  6. 6

    Aplique a água régia nas duas riscas. A água irá reagir, formando bolhas e efervescendo, se ela entrar em contato com ouro. O ácido se tornará da mesma cor se a pureza das duas riscas forem iguais. A água régia dissolve o ouro, portanto não coloque-a em contato direto com sua amostra.

  7. 7

    Repita com fios de quilates maiores, se necessário, até que a pureza seja determinada.

Dicas & Advertências

  • Kits de teste de ouro completos são vendidos em lojas dessa especialidade. A maioria dos kits de ouro contém todos os itens necessários, no entanto, devido à apreensão de algumas empresas vendendo ácido, seus kits podem não conter este material. Se o ácido não estiver incluso você pode ir ao seu fornecedor de material químico para comprá-los. Muitos kits não falam quais ingredientes existem em suas soluções de teste, ou então, misturam a água régia previamente. As instruções aqui são feitas para que você faça tudo do zero, então se você comprar um kit, siga suas instruções.
  • Os ácidos com os quais você está lidando podem ser perigosos. Tenha cuidado ao usá-los, limpando qualquer derramamento imediatamente e guardando-os em um lugar seguro. O ouro reage facilmente com água régia, portanto não são necessárias grandes concentrações de ácido. Você também pode diluir o ácido em água destilada, mas lembre-se de colocá-lo na água e não o contrário.

O que você precisa?

  • Amostras minerais
  • Luvas
  • Cilindro graduado
  • Ácido nítrico
  • Ácido clorídrico
  • Água destilada (opcional)
  • 2 garrafas para teste
  • Pipeta
  • Rocha teste
  • 4 fios de teste, 14K, 18K, 20K e 22K

Lista completaMinimizar

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível