Que tipos de plantas as pessoas usam em aquários ?

Escrito por naomi bolton Google | Traduzido por bruno souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que tipos de plantas as pessoas usam em aquários ?
Plantas ou ervas daninhas aquáticas produzem oxigênio e enriquecem o aquário (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Plantas de aquário não são usadas ​​apenas por sua aparência estética, elas também tornam o aquário mais saudável. Em ambientes de água doce, plantas ou ervas daninhas aquáticas ajudam a manter a estabilidade e equilíbrio da água. Elas utilizam os resíduos metabólicos dos peixes e removem o dióxido de carbono tóxico da água, além de produzir oxigênio, o que é essencial para o processo das demais espécies. Donos de aquários podem, felizmente, escolher entre uma grande variedade de plantas aquáticas para os seus tanques.

Outras pessoas estão lendo

Espada Amazôniza

Esta é uma planta de água doce moderadamente difícil de cultivar. A espada amazônica, nativa do Brasil, requer um substrato rico e iluminação forte. Essas espécies podem ser plantadas no substrato de aquário ou podem ser colocadas em vasos de plástico próprios para tanques. A espada amazônica cria raízes fortes com facilidade, especialmente se elas são deixadas no vaso em que elas chegaram. Essa espécie conta com um sistema radicular bem grande, e que pode sobrecarregar as demais plantas do aquário.

Sagitada de Folha Estreita

A sagitada de folha estreita é uma planta de água doce resistente que prospera em aquários. Esta planta verde e atraente costuma crescer rapidamente e pode atingir uma altura de 20 centímetros se cuidada corretamente. Aquaristas podem cultivá-la em sistema de corredores. Esses corredores formam um agrupamento denso que produz folhas com regularidade. A sagitada de folha estreita requer a presença de ferro no substrato no qual ela é plantada, mas é menos dependente da iluminação. Esta planta, originária da América do Sul, é resistente à maioria das condições de água, aceitando uma variedade grande de pH.

Planta Mãe Gigante

Esta planta de aquário do sudeste da Ásia tem bastante dificuldade para crescer. Além de precisar de especial atenção com o processo de fertilização, ela pode morrer nos primeiros dias após ser plantada no aquário. Essa espécie espalha as suas raízes em grandes profundidades, por isso ela pode ser prejudicial para plantas próximas que contam com sistemas radiculares menos agressivos. Esta planta aquática é capaz de tolerar grandes variações nas condições da água, incluindo o pH, dureza e temperatura. A mãe gigante também é flexível quando às diferentes condições de luz do ambiente

Fada branca

Conhecida em algumas partes do mundo como fada branca, ou como duende branco, a sinningia pusilla é uma planta oriunda de diversas regiões ao redor do mundo, e não oferece muitas dificuldades para ser cultivada. Esta planta aquática costuma prosperar em condições de luz tanto moderada quanto alta, mas pode crescer também com pouca iluminação. Ela costuma estender suas raízes em areia comum de aquário, não precisando de fertilizante. Esta planta cresce rapidamente em sistemas bem gerenciados, mas precisa ser aparada regularmente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível