Tratamento para alopecia cicatricial

Escrito por kay wagers | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A alopecia ocorre em várias formas, algumas são graves outras não. A forma cicatricial é considerada muito grave porque, sem um tratamento agressivo, a perda de cabelo pode ser permanente. O tratamento para essa doença depende dos fatores que a desencadeiam.

Outras pessoas estão lendo

Os fatos

A alopecia cicatricial pode ser causada por diversos fatores. Essas causas incluem trauma físico dos folículos pilosos, como o ato de puxar repetidamente o cabelo ou queimaduras no couro cabeludo. As doenças autoimunes podem causar esse distúrbio, como também as infecções fúngicas, bacterianas e virais, a inflamação dos folículos pilosos e a foliculite decalvante. O ponto comum desses fatores é o potencial que eles têm de causar a perda permanente do cabelo, por isso é importante começar o tratamento imediatamente.

Esteroides

Algumas doenças que causam a alopecia cicatricial respondem ao tratamento com esteroides. Esses transtornos, como o líquen plano (lichen planopilaris), costumam causar alopecia cicatricial através da inflamação dos linfócitos dos folículos pilosos. O tratamento será realizado com a aplicação de um creme tópico que contém corticosteroides, que deve ser esfregado na área afetada. O esteroide intralesional, ou injetados na pele, também é uma opção de tratamento.

Outros medicamentos

Se a alopecia cicatricial de um paciente for causada por uma infecção bacteriana, então os antibióticos serão uma opção de tratamento. Uma vez que o problema é controlado, o cabelo volta a crescer novamente. Medicamentos à base de isotretinoína, às vezes, são usados em conjunto com esteroides e antibióticos para combater a alopecia cicatricial. Se a condição for causada por uma infecção fúngica, então medicamentos antifúngicos serão empregados. Os agentes antimaláricos também têm demonstrado ser eficazes no tratamento dessa doença.

Opções cirúgicas

Se os folículos pilosos forem destruídos pela alopecia cicatricial sem que seja possível recuperá-los, então a cirurgia é a opção usada para tratar a calvície resultante. O médico pode realizar um transplante de cabelo, que consiste em coletar folículos capilares de partes saudáveis do couro cabeludo de um doador e, em seguida, transplantá-los para a área afetada. A mais recente opção cirúrgica é a cirurgia de redução do couro cabeludo. Para isso, o médico remove a parte do afetada pela doença e, então, estica o couro cabeludo saudável para cobrir a área de pele ausente.

Tratamento experimental

Os médicos estão pesquisando tratamentos mais eficazes para alopécia cicatricial. Alguns estão trabalhando para ajustar as opções cirúrgicas. Eles também estão tentando diferentes drogas para serem utilizadas isoladamente e em combinação. Alguns dos medicamentos que estão sendo pesquisados como opções de tratamento possíveis são: a ciclosporina, o metotrexato e a talidomida.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível