Tratamentos para um abscesso na glândula anal canina

Escrito por brenna davis | Traduzido por paula belchior
Tratamentos para um abscesso na glândula anal canina

Os cães machos são propensos a problemas na glândula anal

Photos.com/PhotoObjects.net/Getty Images

As glândulas anais caninas são pequenos sacos produtores de perfume localizados dentro do ânus de um cão. Eles liberam um cheiro distinto nas fezes do cachorro, e o cheiro funciona como um marcador territorial ou uma maneira de se comunicar com outros cães. Os cães machos e os cães de raças menores são especialmente suscetíveis a impactação da glândula anal. Se não tratada, uma glândula anal afetada pode desenvolver um abscesso, que pode ser extremamente doloroso para os cães. Há uma variedade de opções de tratamento para um abscesso na glândula anal.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas de um abscesso

Como um abcesso é uma infecção, ele piora com o tempo. Conhecer os sintomas de abscessos da glândula anal pode ajudá-lo a oferecer ao seu cão o tratamento imediato. Os cães com abscessos na glândula anal frequentemente arrastam suas partes traseiras no chão ou lambem repetidamente seu ânus, de acordo com os médicos Foster e Smith da Pet Education. A defecação pode tornar-se dolorosa, resultando em esforço ou choramingo. Se a infecção for grave, você pode notar inchaço, vermelhidão ou secreção perto do ânus. O Veterinarian Randy Pitcairn relata que o sintoma mais comum de um abcesso da glândula anal é a falta de cheiro fecal.

Drenagem da glândula anal

As glândulas anais desenvolvem abscessos somente quando tornam-se entupidas com muito líquido. O livro "The Dog Owner's Home Veterinary Handbook" aponta que, assim como um dente podre que desenvolveu um abcesso, a fonte da infecção precisa ser removida antes que o tratamento seja efetivado. Peça ao seu veterinário para drenar as glândulas anais do seu cão. Esse simples procedimento leva apenas alguns instantes. O seu veterinário massageará firmemente em torno do ânus do seu cão para expressar o fluido anal. Se o abscesso for menor, a simples drenagem das glândulas anais será suficiente para tratá-lo. Se o abscesso for grave, o veterinário pode renunciar a drenagem das glândulas anais do seu cão e em vez disso, lançar o abscesso.

Antibióticos

Se seu cão tem um abscesso grave ou que estourou através da pele, o seu veterinário prescreverá um curso de antibióticos. É muito importante que você administre todo o curso de antibióticos. Evite pular comprimidos, o que pode resultar na resistência bacteriana. As glândulas anais infectadas podem causar problemas intestinais a longo prazo e desconforto sério. Em casos raros, a infecção pode se espalhar para outras áreas do corpo.

Remoção da glândula anal

Alguns cães são mais propensos a abcessos da glândula anal do que outros. A maioria dos cães nunca têm problemas com suas glândulas anais, mas alguns cães infelizes têm que ter suas glândulas anais esvaziadas várias vezes por ano. Nesses casos, o veterinário pode recomendar a remoção das glândulas anais do seu cão. Esse é um procedimento simples que evitará problemas futuros com essas glândulas. Os cães que sofreram de ruptura de um abcesso da glândula anal podem não ser bons candidatos para essa cirurgia porque a remoção da glândula é mais difícil. Certifique-se de dar o seu veterinário um histórico completo de problemas na glândula anal do seu cão antes de prosseguir com a cirurgia.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media