Saúde

Como utilizar gel de glicose em cães

Escrito por cate burnette | Traduzido por luiza g. brando
Como utilizar gel de glicose em cães

O gel de glicose pode ser usado para restaurar os níveis de açúcar no sangue

George Doyle & Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images

O gel de glicose pode ser encontrado em algumas farmácias e utilizado em casa para restaurar até a normalidade os níveis de glicose no sangue dos cachorros. Quando os níveis de açúcar caem, os animais podem ter convulsões, entrar em coma e morrer em algumas horas. Filhotes e cães adultos com hipoglicemia e animais que receberam muita insulina durante o tratamento contra a diabetes precisam do gel de glicose como um medicamento de primeiros-socorros emergencial para ajudar a estabilizá-los rapidamente, antes de procurar auxílio veterinário.

Outras pessoas estão lendo

Uso em cachorros com hipoglicemia

A hipoglicemia canina ocorre quando o nível de açúcar no sangue fica abaixo do normal – geralmente qualificado como menos de 70 miligramas por decilitro (mg/dL). Os níveis normais de glicose podem variar entre 65 a 120 mg/dL e os sintomas podem não se mostrar até que esses níveis estejam perigosamente baixos. Caracterizada por letargia extrema, pupilas dilatadas, espasmos musculares e/ou convulsões, estupor e coma, a hipoglicemia pode ser um problema nos animais com doença de Addison (falta de produção hormonal nas glândulas adrenais) e em cachorros que são exercitados em excesso, que tenham doenças sérias de fígado ou com algum tipo de infecção bacteriana sistêmica. Em particular, filhotes de raças pequenas e toy que não estejam comendo ou bebendo direito, que foram separados da mãe muito cedo ou que estejam com grandes infecções parasitárias (vermes intestinais ou pulgas) têm propensão à hipoglicemia. Ataques repetidos de hipoglicemia podem resultar em danos cerebrais. É importantíssimo que os donos de cachorros espremam uma faixa de gel de glicose na boca ou na gengiva, se o cão estiver acordado, assim que os sintomas aparecerem. O gel de glicose deve começar a fazer efeito em meia hora. Caso os sintomas se prolonguem além desse tempo, é preciso ligar para um veterinário. Se o animal estiver inconsciente, os donos devem esfregar o gel somente nas gengivas, ligar para um veterinário e transportá-lo para a clínica veterinária imediatamente. Um cachorro inconsciente pode precisar de uma dose de glicose intravenosa e ser examinado para saber se há danos cerebrais.

Uso em cachorros diabéticos

Os cachorros diagnosticados com diabetes são colocados em um tratamento que dura a vida toda, para manter os níveis normais de insulina no sangue. Normalmente, os donos desses cães são educados pelos veterinários para testar os níveis de glicose no sangue dos animais e administrar as injeções de insulina em casa. Eles também são instruídos a alimentar os cães com dietas ricas em fibras e carboidratos complexos, para ajudar a mitigar os picos de glicose no sangue após a alimentação. Se o animal diabético parar de comer a sua quantidade diária normal de comida ou se exercitar em excesso antes de comer, não é difícil o dono administrar insulina demais e fazer com que o cachorro tenha um choque insulínico. Os sintomas do choque insulínico incluem fraqueza, desorientação, ataxia (inaptidão para controlar os membros) e convulsões. É preciso oferecer comida para os cães conscientes imediatamente. Se o cachorro se recusar a comer ou estiver inconsciente, os donos podem esfregar gel de glicose nas gengivas dele para aumentar os níveis de glicose no sangue e compensar o alto nível de insulina. É preciso contatar logo um veterinário para examinar o cachorro e estabilizar o nível de glicose no sangue dele.

Não deixe de ver

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media