Mais
×

As vantagens e desvantagens de ter irmãos

Atualizado em 17 abril, 2017

Ter irmãos pode significar sacrificar a sua privacidade, bem como de não ser o único destinatário do dinheiro e da atenção dos pais. Claro, qualquer pessoa que não seja filho único sabe o que é aquela rivalidade entre irmãos. Mas as desvantagens de ter irmãos são compensadas ​​pelas vantagens – as amizades, as memórias compartilhadas e o apoio ao longo da vida que eles podem trazer para sua vida.

As vantagens e desvantagens de ter irmãos (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Desvantagens

Não ser filho único pode apresentar complicações na sua vida. Antes de tudo, a sua privacidade está em jogo. Se você tem irmãos, é provável que precise dividir seu espaço pessoal com eles. Ao invés de ter o seu próprio quarto ou poder ter o banco de trás do carro só para si, pode ser que tenha que compartilhar esse espaço com eles. Eles podem ser curiosos sobre a sua vida privada e ler seus e-mails, mensagens de texto ou até mesmo diário pessoal. Ter irmãos também significa entrar em brigas. Discussões sobre quem usará o computador e desacordos sobre aonde ir em um passeio de bicicleta se enquadram na categoria de rivalidade entre irmãos. Finalmente, se estiver nessa situação, prepare-se para compartilhar os recursos dos seus pais. Um filho único pode achar que seus pais têm muito tempo e dinheiro para investir nos seus interesses pessoais, enquanto que uma criança com muitos irmãos deve compartilhar os recursos dos pais com eles.

Vantagens

No entanto, ter irmãos também tem suas vantagens. Ao crescer com eles, vocês criam inúmeras memórias compartilhadas que os tornam amigos íntimos, principalmente à medida que entram na idade adulta. Quem tem irmãos acaba cercado por uma forte rede de apoio de entendimento e reciprocidade em relação a ajudar quando o outro precisa. Para uma criança, ter um irmão pode ser o antídoto perfeito para a solidão. Em vez de ter que brincar sempre sozinho, ele pode desfrutar da companhia de um irmão ou irmã em suas aventuras.

Decisão dos pais

Alguns pais decidem por razões pessoais ter apenas um filho. Antes de tomar essa decisão, é importante que eles considerem se essa é a melhor decisão para a criança. Embora eles possam agora concentrar seus recursos e amor na vida de apenas um filho, é preciso pensar se é melhor para a criança crescer sem o apoio e a união que os irmãos podem proporcionar.

Perspectiva do filho

Embora possa haver desvantagens em ter irmãos, a medida em que esses fatores serão considerados negativos dependerá muito da perspectiva da criança. Os pais podem incentivar seu filho a ter uma atitude saudável para com os irmãos: gostar de dividir e apreciar a proximidade em viver com os outros. Da mesma forma, os pais de um filho único podem ajudá-lo a apreciar o fato de não ter irmãos, principalmente nos momentos em que ele pode estar se sentindo solitário.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article