Como virar um paciente acamado com o lençol dobrado

Escrito por susan abe | Traduzido por elia regina previato
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como virar um paciente acamado com o lençol dobrado
Pacientes acamados precisa ser reposicionados frequentemente (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Pacientes acamados precisam ser virados na cama pelo menos a cada duas horas para prevenir o desenvolvimento de úlceras ou feridas. Essas feridas se desenvolvem primeiramente como uma área avermelhada onde os ossos são comprimidos pelo peso do corpo do paciente acamado e pela circulação sanguínea comprometida. Como resultado acontece necrose dos tecidos mortos e aparecem chagas abertas. Frequente reposicionamento pode ajudar a evitar essa complicação. Entretanto, pacientes acamados estão fracos e algumas vezes inconscientes, o que os impossibilita de ajudar em seu reposicionamento. Um lençol dobrado de atravessado na cama pode ajudá-lo a reposicionar o paciente.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Lençol liso de flanela ou algodão extra.

Lista completaMinimizar

Instruções

    Como fazer

  1. 1

    Dobre ao meio um lençol de algodão extra ou de flanela, do topo para baixo. Este é seu lençol dobrado.

  2. 2

    Puxe o lençol de cima e a colcha juntos e ajeite a dobra de linho frouxamente no pé da cama.

  3. 3

    Enfie 30 a 60 cm no sentido do comprimento de uma das pontas do lençol sob uma beirada lateral do colchão. Posicione o lençol por baixo do paciente, na área entre os ombros e o quadril. Ajeite a dobra do comprimento remanescente que está temporariamente por sobre o lençol.

  4. 4

    Vire o paciente para olhar para a direção oposta. Desdobre o lençol dobrado no dorso do paciente e estique a beirada da dobra. Enfie o máximo que puder da beirada embaixo do dorso do paciente.

  5. 5

    Role o paciente sobre a beirada do lençol dobrado e vire-o com o rosto na direção onde o lençol já está enfiado sob o colchão.

  6. 6

    Desenrole a dobra remanescente do lençol, puxe-o firmemente para remover as rugas, ajeite o lençol e enfie a ponta restante do lençol dobrado embaixo do colchão. Seu lençol está completo e no lugar para ajudar no reposicionamento do paciente. Cubra novamente o paciente com o lençol e a colcha que estão no pé da cama.

Dicas & Advertências

  • O ideal é que duas pessoas reposicionem o paciente usando um lençol dobrado. Com uma pessoa em cada lado do paciente, coloque o lençol embaixo do colchão e role-o para cima de modo que possa facilmente ser agarrado pelos seus ajudantes. Contando de 1 a 3 cada pessoa levanta e juntos movem o paciente para a posição de acordo com o desejado.
  • Um lençol macio de flanela vai causar menos fricção contra a pele do paciente.
  • Mantenha o lençol dobrado sem rugas para prevenir o comprometimento da circulação nas beiradas, dobras e vincos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível