Como usar uma bota ortopédica

••• Picture courtesy of Google Images.

O tratamento para fraturas de tornozelo e outras lesões de membros inferiores pode envolver o uso de aparelhos especiais. O projeto "cam walker" (bota ortopédica) é uma bota ortopédica para os pés que fornece suporte, proteção e imobilização do tornozelo após lesão ou cirurgia. Se você tem uma prescrição médica para usar esse tipo de bota, é preciso ter uma compreensão clara do tipo e extensão do seu problema. Estes dispositivos médicos têm sido amplamente utilizados no tratamento de entorses, fraturas, úlceras diabéticas e lesões/cirurgias no tendão de Aquiles.

A natureza de um problema específico, como uma fratura no tornozelo que pode envolver restrições de levantamento de peso, juntamente com o período de tempo de cura ou de reabilitação (como 8 a 12 semanas de uma fratura e 4 a 6 semanas para uma entorse), determina como a bota será usada. Nas fases iniciais de uma fratura, por exemplo, ela pode ser utilizada principalmente como um "engessamento", mas, ao contrário do engessamento, o usuário pode removê-la para a limpeza da parte do corpo, assim como para aplicação de gelo. Até que o membro afetado ganhe mais sustentação de peso, pouco peso deve ser colocado sobre ele.

Passo 1

Coloque a meia ou cobertura adequada. Se houver a necessidade de utilizar uma atadura, agora é a hora de colocá-la no lugar. Se não, use uma meia comprida ou atlética branca. A cor branca não vai manchar sua pele com a transpiração, como poderia acontecer com meias coloridas.

Passo 2

Deslize o pé para dentro da bota, certificando-se de que ele repousa de forma plana no suporte. Verifique se o tamanho está correto. Os dedos dos pés não devem sobrar e ficar pendurados. Da mesma forma, a bota não deve ser tão grande que fique muito folgada, correndo o risco sair ou escorregar do pé.

Passo 3

Prenda o enchimento de espuma envolvendo-o no pé, tornozelo e perna, começando pelo pé. O envoltório deve prender confortavelmente e sem rugas. Fixe-o firmemente usando as alças com velcro sobre o enchimento.

Passo 4

Aperte as alças, começando no pé até chegar à perna. Elas devem ficar apertadas o suficiente para evitar derrapagens na bota, mas não tão apertadas que impeçam a circulação ou causem desconforto.

Passo 5

Para caminhar, geralmente se começa colocando primeiro o pé afetado à frente. Se você estiver usando dispositivos de apoio, como muletas, a regra do "pé ruim na frente" funciona da mesma forma. Apoie o peso como prescrito, com ou sem dispositivos de assistência.

Mais recentes

×