Como consertar uma haste quebrada de uma planta

••• Dynamic Graphics Group/Dynamic Graphics Group/Getty Images

Tome uma atitude imediata para salvar plantas com uma haste quebrada ou torta. O seu sucesso depende do nível do dano. Será mais difícil ter êxito em hastes completamente quebradas. Entretanto, as que estão apenas danificadas e ainda estão bem presas ao resto da planta possuem maiores chances. Tomateiros em particular respondem bem ao esse tratamento.

Passo 1

Remova tecidos pegajosos, escuros e macios da área danificada da haste usando uma faca afiada. Isso pode ocorrer onde a haste quebrada não teve uma atenção especial. Tecidos como esse irão apodrecer e se espalharão pelo resto da haste. Continue cortando até que você consiga expor o tecido verde e saudável.

Passo 2

Pressione as extremidades do novo tecido exposto o mais cuidadosamente possível.

Passo 3

Passe a fita adesiva firmemente ao redor da área quebrada ou danificada da haste. Pressione gentilmente a fita entre seu polegar e dedo indicador, de forma que ela se fixe bem na área. Lembre-se de cobrir toda a área danificada.

Passo 4

Coloque um palito de dentes em um lado da área para agir como uma tala. Use um palito de picolé para hastes maiores. Com a fita adesiva, prenda a tala no lugar. Isso dará suporte à área quebrada da haste e a deixará firme.

Passo 5

Corte um pedaço de canudo de plástico para propiciar um suporte extra, se você estiver lidando com uma haste que se incline com o peso da tala. Corte o canudo ao longo do comprimento com uma faca. Abra-o e então envolva a área danificada com ele. Deixe o canudo se fechar novamente. Para hastes mais grossas, enrole um retângulo de papelão em um tubo e deslize-o sobre a seção danificada.

Passo 6

Amarre a haste danificada a uma que esteja sadia, se possível, usando barbante de jardim. Isso a mantém protegida contra o vento enquanto se recupera.

Passo 7

Remova o tubo ou canudo cuidadosamente, corte a fita adesiva e remova a tala quando houver sinais de crescimento na ponta da haste danificada, como por exemplo, novas folhas ou brotos. Se você deixar a fita e a tala no lugar depois do pedúnculo ter se regenerado, eles podem impedir um crescimento futuro.

Mais recentes

×