Como diferenciar uma Tommy Hilfiger falsa de uma original

••• Jupiterimages/liquidlibrary/Getty Images

Tommy Hilfiger começou em 1985 como designer e fabricante de roupas masculinas, expandindo para moda feminina 10 anos depois. A coleção Tommy Hilfiger engloba jeans, calças, blazers, trajes de banho, roupas íntimas, vestidos e casacos que criam toda uma linha que reflete o estilo americano clássico com um toque moderno. A fama da marca a levou a ser copiada e falsificada amplamente, causando assim a necessidade de saber a autenticidade de um produto Tommy Hilfiger.

Passo 1

Cheque embaixo da etiqueta se estiver examinando uma peça de vestuário. Deve haver um triângulo de tecido, que é a marca registrada da linha Hilfiger.

Passo 2

Examine a etiqueta e preste atenção na ortografia das palavras "Tommy Hilfiger" e na estrutura de cada letra. As letras devem estar costuradas perfeitamente sem nem uma simples costura fora do lugar.

Passo 3

Gire a peça ao avesso. Não deve haver nenhuma linha solta na parte de dentro.

Passo 4

Passe seus dedos pelo tecido; ele deve parecer suave e ter uma certa resistência, indicando a autenticidade da peça. Fraqueza, transparência e tecidos baratos são sinais de falsificação.

Passo 5

Verifique o rótulo do conteúdo. A maioria dos produtos Tommy Hilfiger consistem de cáqui, madras, algodão e mil-raias. Como alguns de seus produtos vêm de materiais misturados, altas quantidades de tecidos como poliéster, linho ou poli-algodão podem lhe mostrar que se trata de um produto falsificado.

Passo 6

Procure o logotipo. Dependendo do item, o logotipo da Tommy Hilfiger deve estar em algum lugar nele. Verifique se o retângulo vermelho está à direita, se o retângulo branco está à esquerda e se as barras em azul-marinho estão em volta de cada um.

Mais recentes

×