Como livrar-se de uma coceira proveniente do manuseio da fibra de vidro

••• Jupiterimages/Pixland/Getty Images

As minúsculas partículas que compõem o isolamento da fibra de vidro são conhecidas por causar erupções e prurido vermelhos na pele exposta. Em caso de exposição à fibra de vidro, prevenir-se é o mais importante. Se você tiver que lidar com esse material, cubra generosamente a pele com talco em pó, que bloqueará os poros, impedindo que as fibras penetrem em sua pele. Cubra o tanto quanto possível, emendando suas luvas às mangas para proteger-se das partículas. Use sempre um capuz e uma máscara para preservar a cabeça e o rosto.

Caso tenha desenvolvido uma erupção cutânea devido à fibra de vidro, existem algumas dicas básicas que o ajudarão a obter alívio rápido.

Passo 1

Em primeiro lugar, tome uma ducha fria para lavar as partículas de fibra de vidro da pele. Quando sentir-se limpo ou simplesmente não puder mais suportar a água fria, vá para a próxima etapa.

Passo 2

Em seguida, tome um banho de água quente com bastante vapor. Isso abrirá os poros e liberará todas as partículas de fibra de vidro que penetraram profundamente em sua pele. O calor também o ajudará a suar, auxiliando na remoção das partículas de fibra de vidro.

Passo 3

Cubra a pele com óleo de bebê, manteiga corporal ou outra loção hidratante. Isso o ajudará a se livrar de qualquer fibra de vidro restante.

Mais recentes

×