×
Loading ...

Reações alérgicas à rúcula com inchaço de boca

Dados da Agência Nacional de Vigilância Sanitária apontam que cerca de 9% da população brasileira seja atingida pela alergia alimentar. Alguns alimentos são mais prováveis de causar reações alérgicas que outros. A rúcula, um vegetal folhoso verde com um sabor picante, pode causar reações alérgicas em algumas pessoas, afetando principalmente os lábios, a língua e a garganta.

Se você é alérgico, verifique cuidadosamente a presença de rúcula em saladas, um vegetal folhoso verde, longo e fino (ベビーリーフとミニトマト image by Reika from Fotolia.com)

Causas

As alergias alimentares ocorrem quando o sistema imunológico reage exageradamente a algumas proteínas. Você pode não ter nenhuma reação na primeira vez que comer rúcula. Mas sem o seu seu conhecimento, seu corpo produziu imunoglobulina E, ou IgE, anticorpos contra a rúcula. Na próxima vez que você comê-la, os anticorpos IgE liberarão químicos, como a histamina, que tentam eliminar ou atacam a substância que fez mal. Esses químicos causam sintomas associados às alergias.

Loading...

Sintomas

Os sintomas de uma alergia à rúcula ocorrem após ingerir as folhas. Os mais comuns incluem inchaço da língua e irritação dos lábios e garganta. O inchaço facial conhecido como angioedema também pode ocorrer. Os sintomas normalmente ocorrem dentro de alguns minutos após a ingestão do alérgeno, mas também podem levar várias horas.

Complicações

As complicações de uma reação alérgica à rúcula incluem o inchaço da garganta, que pode impedir o fluxo de ar para os pulmões. Como a reação ocorre geralmente ao redor da boca e lábios, verifique os sinais de dificuldade respiratória, respiração rápida, pulso rápido, falta de ar ou desmaio. Se a garganta inchar e fechar completamente, a morte pode ocorrer dentro de alguns minutos. As pessoas com reações alérgicas severas à rúcula devem sempre ter consigo epinefrina injetável, que reduz o inchaço no caso de ingestão acidental. A anafilaxia, que é colapso do sistema circulatório seguido de choque anafilático e queda de pressão, pode ocorrer em casos raros.

Prevenção

A melhor forma de prevenir uma reação alérgica decorrente da rúcula é evitá-la completamente. As reações podem piorar a cada vez que você se expõe a ela ou a quaisquer outras substâncias alérgenas. Então, ter uma reação leve uma vez não significa que você terá outra reação leve na próxima exposição. Se você for alérgico, tenha cuidado com novos alimentos: consuma pequenas quantidades e verifique possíveis reações. Muitas saladas em restaurantes contêm uma mistura de folhas, mas, caso você seja alérgico, não acredite que a sua salada não contém rúcula. Examine-a cuidadosamente ou consuma apenas as folhas facilmente identificáveis. Se você for muito alérgico, mesmo uma pequena quantidade de rúcula que fique na faca usada para cortar outros tipos de folhas pode causar uma reação.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...