Tipos de compostagem: aeróbia e anaeróbia

••• Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

Existem dois métodos para a compostagem de matéria orgânica: aeróbia e anaeróbia. A principal diferença entre os dois métodos é o fato de que a decomposição aeróbia usa oxigênio, enquanto a alternativa não.

Compostagem aeróbia

A compostagem aeróbia é o método mais comum de decomposição. Os organismos que decompõem a matéria orgânica de forma aeróbia precisam de grandes quantidades de oxigênio para conduzir as reações químicas.

Janela de tempo da compostagem aeróibia

A decomposição aeróbia ocorre constantemente na natureza, mas sem intervenção alguma, este pode ser um processo bastante lento. Pilhas de compostagem aeróbia feitas pelo homem são revolvidas com regularidade para manter altos níveis de oxigênio, decompondo a matéria orgânica em um tempo por vezes tão curto quanto 2 meses.

Compostagem anaeróbia

A compostagem anaeróbia ocorre quando a matéria orgânica é armazenada em uma área com acesso limitado ao oxigênio, fazendo com que matéria orgânica passe por um processo de fermentação durante o catabolismo.

Considerações sobre a compostagem anaeróbia

O processo anóxico de compostagem pode emitir odores intensos, pois a decomposição produz sulfeto de hidrogênio.

Métodos de compostagem aeróbia

A compostagem aeróbia pode ser conduzida em um tambor, ao ar livre ou em um revolvedor de composto comercial.

Métodos de compostagem anaeróbia

O composto anóxico pode ser produzido em sacolas plásticas fechadas ou recipientes plásticos bem fechados.

Mais recentes

×